Willie Nelson no Jimmy Fallon
Reprodução/YouTube

Uma das tantas celebridades que apoiaram e participaram da campanha presidencial de Joe Biden, o ícone country Willie Nelson enviou uma carta ao novo presidente americano para fazer um pedido inusitado.

O cantor, defensor convicto da maconha, solicitou que o dia 20 de Abril, conhecido não oficialmente como “feriado da maconha”, se torne, de fato, uma data comemorativa da cannabis.

Aqui vale uma explicação rápida: a expressão “4:20” é celebrada pelos usuários de maconha e lá nos Estados Unidos é comum usar o mês antes do dia quando se fala de datas. Sendo assim, o nosso 20/4 é 4/20 pra eles, então faria todo sentido que o feriado acontecesse nessa data.

Aliás, ele não quer apenas um dia para celebrar a planta, Nelson deseja que seja um feriado prolongado, mais especificamente de 20 até o dia 29 do mesmo mês, data em que nasceu.

Willie sugeriu que o nome do feriado seja “The High Holidays”, em menção aos efeitos alucinógenos da planta, e existe até uma petição que você pode assinar para ajudá-lo na causa.

Enquanto não há reposta do Congresso, o músico veterano criou a convenção Luck Summit: Planting the Seed para celebrar a maconha, que acontecerá de forma virtual entre os dias 26 e 29 de Abril.

Luck Summit: Planting the Seed

Apresentados por Nathaniel Rateliff, os encontros online terão o propósito de conscientizar, educar e promover a cultura da maconha de uma maneira informativa e divertida. Ao longo da programação, pessoas a favor da maconha irão discutir questões relacionadas à planta do ponto de vista político, ético, econômico, científico e mais.

Haverá ainda colaborações musicais, esquetes de comédia, aulas culinárias e atividades voltadas à saúde.

“Eu acho que as pessoas precisam ser ensinadas que a maconha não é uma droga. Marijuana é uma erva e uma flor. Deus a colocou entre nós. Se ele a colocou aqui e quis que crescesse, o que dá o direito ao Governo dizer que Deus está errado?,” ironizou Nelson.

O valor arrecado com a venda ingressos da convenção vai ser revertido para projetos que envolvem a cannabis. Para participar do evento virtual, você pode se registrar aqui.

Hoje com 87 anos, Willie Nelson deixou de fumar maconha por conta da saúde debilitada, mas sua causa em prol da planta segue firme e forte!

LEIA TAMBÉM: ao vivo na CNN, Leandro Karnal chama usuários de maconha de “idiotas”