Danilo Gentili e Avril Lavigne
Fotos via Reprodução/Twitter e Wikimedia Commons
 

O apresentador de televisão Danilo Gentili acaba de ter mais um prejuízo.

Em 2014, o cara fez uma “piada” durante o The Noite, do SBT, com uma fã de Avril Lavigne. Exibindo uma foto sem censura da mulher ao lado da cantora, Danilo disse que Avril estaria “tirando uma grana fácil dos fãs brasileiros otários”, que pagaram R$800 pelo meet and greet no qual a artista tirou fotos mas não permitiu ser tocada pelos brasileiros.

Agora, depois do processo ter sido julgado pela 9ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e conforme afirma o JOTA, Gentili terá que pagar uma indenização de R$30 mil à mulher de acordo com decisão que leva em conta os danos morais e a exibição da imagem sem autorização.

O relator Rogério Murillo Pereira Cimino disse que o apresentador transformou “um momento que deveria refletir [a] satisfação e alegria [da fã] por estar com a pessoa admirada em evidente constrangimento”, citando ainda que a liberdade de expressão não é um direito absoluto e consequências devem ser avaliadas em cada caso.

Neste, em específico, a Justiça decidiu que Gentili não agiu errado em fazer a crítica; afinal, ela não foi direcionada à mulher, mas sim a qualquer fã brasileiro que tivesse pago o valor considerado exorbitante. No entanto, utilizando a imagem da mulher sem autorização, o apresentador a “exibiu como exemplo de pessoa otária” e, por isso, deve ser punido legalmente.

Parece que o jogo virou, hein?

 
Compartilhar