Steve Johnson
Crédito: reprodução
   

Em audiência na justiça americana, o baterista do Alabama Shakes, Steven Johnson, declarou ser inocente diante das acusações de abuso infantil que recaem sobre ele.

Preso desde o dia 24 de Março na penitenciária do Condado de Limestone, no Alabama, o músico teve fiança estipulada pelo juiz no valor de 26.500 dólares (o que representa quase 150 mil reais).

Johnson também é acusado de violar sua liberdade condicional e uma ordem de proteção contra sua ex-companheira.

As acusações são baseadas em tortura, abuso e “espancamento de forma cruel ou maus tratos de uma criança menor de 18 anos de alguma outra forma”.

Não foi esclarecido quem seria esta vítima menor de idade.

Advogado se pronuncia

A defesa diz que as alegações não condizem com a verdade e que seu cliente não é culpado:

Ele não está fugindo, ele está tentando evitar a polícia, ele não tem tentado outra coisa a não ser ver sua família, ir à igreja, fazer compras na mercearia, fazer coisas normais e de repente isso (a prisão) acontece e pega a todos de surpresa.

Liberdade condicional

Em 2019, Steve William Johnson foi detido por violar uma ordem de proteção contra abusos quando invadiu a casa da ex. Na ocasião, o baterista, que se declarou culpado por essa violação, a estrangulou, machucou e perseguiu.

Pesado, hein?