UnimedHall
   

23 anos de casa, 12 milhões de pessoas no público e mais de 3.500 apresentações.

Foi nesse tom nostálgico que a T4F anunciou nesta quarta-feira (31), através de suas redes sociais, o fechamento do UnimedHall.

Antigo Citibank Hall e Credicard Hall, o local era uma das principais casas de shows no Brasil. Na legenda da foto que apresenta esses mesmo números citados no início da matéria, a produtora mexeu com o sentimento dos frequentadores.

Quantas histórias vivemos no UnimedHall. Quantas memórias criamos juntos. Quantos sorrisos e lagrimas de emoção vimos de perto. Quantos sentimentos. (…) Hoje, este lindo capítulo chega ao fim. Fecham-se as cortinas de mais um palco no país, mas com a certeza de que marcamos época e passamos a fazer parte de muitas histórias – não só da música, mas da cidade, do país e da vida de cada pessoa que esteve ali.

Fechamento do UnimedHall

É claro que o encerramento das atividades da casa se dá por causa da pandemia do Coronavírus e da COVID-19, que afetaram o mercado do entretenimento em cheio, principalmente no que diz respeito aos shows ao vivo, repleto de aglomerações.

A tendência é que isso se torne cada vez mais comum, infelizmente, já que a retomada das grandes aglomerações é incerta.

A gente lamenta muito!

Você pode conferir o post completo abaixo.

LEIA TAMBÉM: Casa do Mancha, icônica casa de shows de SP, anuncia encerramento das atividades

 

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por T4F (@t4f)

   
 
Compartilhar