Xuxa pede desculpas em vídeo
   

Nas últimas horas, a apresentadora Xuxa Meneghel tornou-se um dos assuntos mais comentados da Internet pelos piores motivos.

Em uma live, a artista que também já lançou vários discos de estúdio em sua carreira como cantora falou abertamente sobre o que pensa da população carcerária, basicamente afirmando que os presos deveriam ser usados como “cobaias”.

Ao afirmar que medicamentos deveriam ser testados em presos, Xuxa disse:

Acho que pelo menos eles serviriam para alguma coisa antes de morrer, entendeu? Pra ajudar a salvar vidas com remédios, com tudo…

Aí vai vir o pessoal que é dos direitos humanos e dizer, ‘não, eles não podem ser usados’. Se são pessoas que já estão provadas que vão viver 60 anos na cadeia, 50 anos na cadeia e vão morrer lá, eu acho que poderiam usar um pouco da vida delas pelo menos pra ajudar algumas pessoas, provando remédios, provando vacina, provando tudo nessas pessoas pra ver se funciona.

Essa é a minha opinião: já que vai morrer na cadeia, que pelo menos sirva pra ajudar alguma coisa.

Xuxa Pede Desculpas

Não demorou muito para que a apresentadora utilizasse as suas contas nas redes sociais para emitir seu pedido de desculpas.

No Twitter, ela publicou o vídeo abaixo, dizendo:

Oi gente! Boa madrugada pra vocês. Agora são mais ou menos 2 horas da manhã do dia 27 de Março, dia do meu aniversário, e antesde dormir eu resolvi falar com todos vocês porque eu acabei de ler muitas coisas e uma delas foi do Anderson França, onde ele diz que achava que eu deveria falar com as pessoas antes de dormir e você tem toda razão, Anderson, por isso que eu estou aqui.

Obrigada, você foi muito sensato com as suas palavras e eu to aqui pedindo desculpas a todos vocês. Eu que não usei as palavras certas, pensei uma coisa, pensei muitas coisas, quis falar sobre muitos assuntos e não fugir do assunto que era o assunto dos animais, assunto dos maus-tratos, pessoas que fazem muitas coisas maltratando vidas e… também fiz a mesma coisa, né?

Também julguei, também maltratei, também usei palavras que não deveriam ter sido usadas então to aqui pedindo desculpas a todos vocês.

Longe de mim ter falado de pessoas… algumas pessoas usaram a expressão que eu fui falando sobre raça, sobre negros, sobre presidiários negros, pobres. Não me passou nada disso pela cabeça.

Veio primeiro pela cabeça uma coisa que eu sempre fico pensando, uma pessoa que estupra uma criança, que fica em um presídio, que fica anos ali, poderia pensar em ajudar outras pessoas de alguma maneira.

É errado? É errado. Me expressei mal? Me expressei mal. Estou vindo aqui pedindo desculpas a vocês porque eu sei que a gente tem realmente algumas falhas no Brasil e uma delas é essa. Quem sou eu pra dizer que essas pessoas estão ali, que devem ficar ali ou morrer ali? Quem sou eu pra fazer isso?

E se eu faço isso, estou sendo ruim tanto quanto as outras pessoas que maltratam outras vidas e não deveriam fazer isso.

Então, Anderson França, muito obrigada. E a todos vocês que também me julgaram, pré-julgaram e julgaram certo. Eu errei então estou aqui pedindo desculpas a todos vocês.

Um grande beijo a vocês. Obrigado, obrigada.

E mais uma vez vamos pensar de alguma maneira que a gente possa fazer pra não maltratar os animais, não maltratar a vida, o ser humano, quem é vivo, né?

É isso só que eu quis me expressar e realmente foi bem errado.

Beijo em todos vocês e fiquem com Deus.

Bom, aparentemente o arrependimento veio e os pedidos de desculpas soaram bastante sinceros, não?

   
 
Compartilhar