Dave Grohl conta sobre noite marcante em que conheceu o AC/DC graças a Paul McCartney
Fotos via Wikimedia Commons, Mary McCartney

Dave Grohl contou recentemente sobre uma das “melhores noites” de sua vida em que ele se encontrou com os membros do AC/DC por causa de Paul McCartney.

Durante uma entrevista ao Anders Botters Tiny TV, da Dinamarca, o vocalista do Foo Fighters (que ainda está divulgando o disco Medicine At Midnight), compartilhou detalhes da primeira vez que conheceu as lendas do hard rock australiano (via Blabbermouth):

Eu não estava me apresentando no Grammy, estava apresentando um prêmio ou algo assim. Tenho a sorte de dizer que Paul McCartney é um amigo, e eu o amo muito. Por mais que ele seja um herói para mim, ele também é um homem muito doce e um amigo.

E então ele também estava na cidade, me ligou e disse: ‘O que você vai fazer depois do Grammy?’ e eu respondi que que ia jantar com Pat Smear e Taylor Hawkins, e ele disse: ‘Você se importa se eu e Nancy [esposa de Paul] também formos?’ E eu disse: ‘Não, seria ótimo’.

Dave Grohl, Paul McCartney e AC/DC

O que já seria um jantar interessante se tornou ainda mais especial para Grohl depois que McCartney se encontrou com os caras do AC/DC.

Paul esbarrou com o AC/DC em um hotel ou algo assim. E então eles perguntaram: ‘O que você vai fazer depois do show?’ E ele disse: ‘Vou jantar com os Foo Fighters.’ E Paul disse: ‘Você quer vir?’ Então a esposa de Paul ligou para minha esposa, e ela disse: ‘Ei, você se importa se o AC/DC vier jantar?’ E eu nunca tinha conhecido o AC/DC.

O líder do Foo Fighters aproveitou para lembrar quando teve o primeiro contato com a banda.

Quando eu tinha talvez uns 10 anos de idade, fui ver aquele filme Let There Be Rock, um filme com um show ao vivo do AC/DC concerto, em um cinema. Isso foi antes de eu ser punk rock.

Foi a primeira vez que vi uma apresentação e ouvi uma música que me fez querer quebrar alguma coisa. E ainda hoje, uso isso como referência de como gosto de fazer uma apresentação. Quero ser como eles. Essa é uma banda ao vivo.

Finalizando o assunto sobre o emocionante encontro com os do AC/DC, Dave declarou:

Então tivemos aquela noite maravilhosa, com uma banda de jazz tocando. Foi uma das melhores noites de toda a minha vida.

Confira a entrevista completa no player abaixo, o trecho específico começa em 22:18.

 
Compartilhar