Angela Dippe criticada na Avenida Paulista
 

É surreal o que acontece no Brasil quanto à pandemia do Coronavírus e esse vídeo de Angela Dippe mostra que as coisas estão difíceis.

Ontem (5), a atriz, bailarina e escritora estava caminhando pela Avenida Paulista quando encontrou um protesto de pessoas que são contra a restrição de atividades no estado de São Paulo para que os hospitais e leitos de UTI, já em colapso, tenham mais vagas.

Por lá, ela gravou um vídeo onde é hostilizada por participantes que simpatizam com o governo de Jair Bolsonaro, sendo que as pessoas viram para a câmera dela e a chamam de “comunista” e “escrava do Doria”, fazendo menção ao governador do estado de São Paulo, João Doria.

No texto, Dippe afirmou que estava usando duas máscaras e ainda foi chamada de “medrosa”:

Agora as 18 :20 na av paulista voltando pra casa com 2 máscaras no rosto fui chamada de comunista,medrosa e escrava do
@jdoriajr
#VAI COMPRAR VACINA #SOSBrasil

Angela Dippe, Coronavírus e Avenida Paulista

O vídeo rapidamente se tornou um dos mais vistos no Twitter e foi parar nos grupos de WhatsApp, sendo que o cidadão que aparece em vários momentos mostrando a língua foi identificado como “Piva Patriota” pela própria atriz.

Angela Dippe, aliás, tem um currículo incrível na TV e no Cinema brasileiros, sendo que ela interpretou a simpática jornalista Penélope no lendário Castelo Rá-Tim-Bum, da TV Cultura.

Entre 2012 e 2014, a personagem ganhou inclusive uma peça de teatro que contou com Dippe e foi sucesso de público.

Na televisão, Angela também ficou conhecida pelo papel de Ivone na novela Pérola Negra (SBT) e hoje em dia ela mantém um canal no YouTube chamado “Angela Disse”, onde publica vídeo sobre diversos assuntos e também aparece como Penélope ao lado de convidados.

 

 

 
 
Compartilhar