Kirk Hammett avaliando músicas de terror
Reprodução/YouTube
   

Quem conhece o lado mais pessoal de Kirk Hammett sabe que o cara é um baita fã dos filmes de terror e, inclusive, tinha o nosso saudoso Zé do Caixão como um de seus ídolos.

Em uma participação pra quadro da CBC Music, o guitarrista do Metallica explorou justamente esse lado e foi convidado a avaliar músicas de terror para dizer se gostava ou não delas.

A seleção começou com alguns clássicos. A primeira foi “Lago dos Cisnes”, de Tchaikovsky, que ficou famosa por conta de Drácula (1931) — ele descreveu como os primeiros filmes de terror sempre usavam essa canção e deu sua aprovação, dizendo que não imagina cisnes quando a ouve e sim “o mal se aproximando”.

Em seguida, veio “Tubular Bells, Pt. 1”, assinada por Mike Oldfield e mais conhecida como tema de O Exorcista. Kirk se declarou ao ouvir a faixa:

Eu costumava tremer de medo quando ouvia as primeiras notas disso porque me lembrava do filme. Sério, eu ouvia isso e ficava arrepiado. O sentimento que eu tenho quando ouço isso é como se a realidade estivesse se despedaçando e virando insanidade total, totalmente uma boa música! Duas vezes uma boa música!

Em seguida, ele acaba não aprovando “Cry Little Sister” (Gerard McMann), tema de Os Garotos Perdidos — Kirk, envergonhado, diz que estava curtindo até entrarem os vocais. O guitarrista dá então possivelmente a sua melhor resposta quando ouve “Redbone”, de Childish Gambino, parte da trilha sonora de Corra!:

Parece um som dos anos 70, mas eu tenho uma ideia de que seja mais moderno do que isso. Mas, sabe, o que é ótimo disso é que a música é boa, é ‘funky’, é groovada, mas eu tenho imagens de pessoas sendo esquartejadas e assassinadas seja por zumbis ou facas ou qualquer coisa assim. Então eu diria que certamente é uma boa música!

Por fim, o guitarrista também aprova o clássico tema de A Bolha Assassina (The Blob, de 1958) e comenta que é uma de suas preferidas. Bem no encerramento do vídeo ainda dá para ouvir que o cara comemorando que ganhou um café depois de terminar a gravação.

Que pessoa, né? Você pode ver o vídeo na íntegra (em inglês) logo abaixo.

Kirk Hammett comentando músicas de terror