Pink Floyd em 2005
Reprodução/YouTube

Para muita gente, o Pink Floyd acabou lá nos anos 80 quando Roger Waters decidiu sair da banda e o projeto passou a ser muito mais associado a David Gilmour, enquanto Waters seguiu seu caminho solo.

Acontece que, em 2005, o improvável (e quase impossível até então) aconteceu e os dois líderes do lendário grupo “fizeram as pazes”. Bom, mais ou menos: eles foram convidados por Bob Geldof para participar do Live 8 que aconteceria naquele ano, e Roger conseguiu convencer David de que o propósito do evento era maior do que quaisquer desavenças.

Ainda assim, fala-se que o guitarrista chegou a dizer que sentia estar “dormindo com uma ex-mulher” e teve bastante resistência à ideia — mas acabou cedendo, para a sorte dos fãs. Claro que também tivemos a presença de Nick Mason na bateria e Richard Wright nos teclados, o que fez com que o show fosse uma verdadeira reunião da formação clássica.

Para fechar com chave de ouro, a performance que aconteceu no Hyde Park, em Londres, ainda teve uma dedicatória a Syd Barrett durante “Wish You Were Here”, penúltima canção de um setlist de quase 25 minutos que contou também com “Breathe”, “Breathe (Reprise)”, “Money” e “Comfortably Numb”.

Infelizmente, o show de reunião acabou sendo também uma despedida. Afinal de contas, foi pouco tempo depois que Wright nos deixou e todos os membros são bem firmes ao afirmar que não faria nenhum sentido reunir o trio remanescente sem a presença do lendário tecladista.

A parte boa é que esse momento espetacular foi capturado em vídeo e você pode conferir na íntegra logo abaixo.

Pink Floyd em 2005