Metallica censurado em seu próprio show
Reprodução/YouTube
 

A pandemia nos proporciona diversas cenas bizarras e essa envolve o Metallica.

A banda foi convidada para participar da BlizzCon, evento sediado pela empresa de games Blizzard (responsável por clássicos como Diablo e World of Warcraft) que aconteceu de maneira online esse ano por conta da COVID-19.

Até aí, tudo bem: o público que consome esses jogos definitivamente curte um Heavy Metal, de forma geral, e a escolha da atração não poderia ser melhor e mais impactante. Mais ainda, o Metallica já fez alguns shows durante esse período e já sabia bem o que estava fazendo em relação ao “novo” formato.

A performance foi transmitida pela página oficial da BlizzCon e pelo YouTube sem qualquer problema, mas na Twitch a história foi diferente.

Metallica censurado em transmissão ao vivo

A plataforma mais utilizada por streamers no mundo tem sido muito criticada pela fiscalização excessiva de direitos autorais, com diversos produtores de conteúdo tendo sido prejudicados por não poderem utilizar músicas durante suas transmissões ao vivo.

Agora, o Metallica foi a vítima mais recente em uma cena bizarra — afinal de contas, era a própria banda quem estava tocando uma de suas músicas quando viu o áudio ser substituído por uma música que parece ter saído diretamente de um jogo da série Zelda, com direito a estética nostálgica e tudo mais.

A cena acabou ficando bem hilária e você pode conferir pelo vídeo abaixo, mas já tem bastante gente apontando karma para justificar. Afinal de contas, muitas dessas regras de consumo de música na internet só existem por conta das confusões do Metallica com o Napster há muitos anos.

Será?

 
 
Compartilhar