Justin Timberlake comenta possível colaboração com Britney Spears
 

A internet está cada vez mais revoltada com a situação de Britney Spears, ainda mais após o lançamento de um documentário sobre sua vida e carreira. Agora, uma peça-chave do passado da cantora se pronunciou para pedir desculpas: Justin Timberlake.

Timberlake namorou com a cantora no começo dos anos 2000 e, após o término, chegou a acusar Spears de traição na canção “Cry Me a River” (2002). A partir daí, uma verdadeira “caça às bruxas” começou na vida da artista, que foi bastante perseguida por conta do relacionamento.

Em uma publicação no Instagram, Justin respondeu às cobranças que acontecem já há anos por suas ações no passado, várias delas consideradas machistas ou racistas:

Eu vi as mensagens, marcações, comentários e afirmações, e quero responder. Lamento profundamente pelos momentos da minha vida em que minhas ações contribuíram para o problema, quando falei fora de hora ou não defendi o que era certo. Eu entendo que falhei nesses momentos e em muitos outros, e me beneficiei de um sistema que tolera a misoginia e o racismo.

Ele continua, se direcionando a Britney Spears e também a Janet Jackson — em 2004, no Super Bowl, a cantora passou por um problema no figurino que expôs um de seus seios. Timberlake, que se apresentava ao seu lado, foi a pessoa que puxou sua roupa na hora, e não a ajudou a esconder o problema:

Quero me desculpar especificamente com Britney Spears e Janet Jackson, individualmente, porque me importo e respeito essas mulheres e sei que fracassei.

Eu também me sinto compelido a responder, em parte, porque todos os envolvidos merecem mais e, mais importante, porque esta é uma conversa mais ampla da qual desejo de todo o coração fazer parte e crescer.

A situação teve um peso grande na carreira de Janet, mas não para Justin, que nunca precisou se explicar até este momento. Ele finaliza a carta com uma mensagem mais generalizada:

A indústria é falha. Ela facilita o sucesso dos homens, especialmente os homens brancos. Como um homem em uma posição privilegiada eu tenho que ser vocal sobre isso. Por conta da minha ignorância, eu não reconheci todo o tamanho disso enquanto estava acontecendo na minha própria vida mas eu não quero nunca mais me beneficiar da queda de outros.

Eu não fui perfeito navegando tudo isso através da minha carreira. Eu sei que esse pedido de desculpas é o primeiro passo e não absolve o passado. Eu quero ser responsável pelos meus próprios passos errados em tudo isso além de ser parte de um mundo que levanta e apoia.

Eu me importo profundamente com o bem-estar das pessoas que eu amo e já amei. Eu posso fazer melhor e eu vou fazer melhor.

Confira a declaração completa abaixo.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Justin Timberlake (@justintimberlake)