Um Príncipe em Nova York
 

Desde 1991, Um Príncipe em Nova York era rotulado como um filme de classificação livre e se tornou um dos grandes clássicos da icônica Sessão da Tarde da Rede Globo.

Infelizmente, parece que os dias de Eddie Murphy e companhia alegrando nossas tardes estão contados. Segundo O Globo, o Ministério da Justiça acatou uma “denúncia de cidadão” recentemente e revisou a classificação indicativa do longa, tornando-o agora não recomendado para menores de 14 anos.

A nova censura vem 33 anos depois do lançamento original e bem perto do anúncio do segundo filme da franquia. De acordo com despacho do Ministério da Justiça assinado pelo Coordenador de Política de Classificação Indicativa, Eduardo de Araújo Nepomuceno, a obra apresenta “conteúdos relativos aos eixos temáticos, de violência, sexo e drogas, com destaque para a tendência de nudez”.

Ele ainda afirma que a mudança se dá devido à maior consolidação da Classificação Indicativa em comparação aos anos 90 — hoje, segundo Eduardo, o processo tem “critérios e métodos claros, definidos e distintos dos daquela época”.

Ainda de acordo com O Globo, a última exibição do filme na Sessão da Tarde foi em Setembro de 2013; no total, entre 1992 e 2013, ele foi transmitido 17 vezes. A nova classificação indicativa recomenda que ele só seja exibido depois das 21h.

Um Príncipe em Nova York

Vale lembrar que, como falamos acima, recentemente foi anunciada uma sequência para Um Príncipe em Nova York.

Eddie Murphy vai reprisar seu papel como o Rei Akeem de Zamunda e Arsenio Hall também estará de volta como Semmi. O elenco ainda contará com uma legião de atores incríveis como Wesley SnipesJames Earl JonesLeslie Jones e até a cantora Teyana Taylor.

Você pode saber mais e ver o trailer por aqui.