Jimmy Page reagindo a Robert Plant
Reprodução/YouTube
 

Foi em 13 de Dezembro de 2007 que o Led Zeppelin subiu ao palco para o que é, até hoje, o último show de sua história.

Na época, a banda contou com o ótimo Jason Bonham — filho do saudoso John Bonham — na bateria e tanto os fãs quanto a maior parte dos membros da banda conseguiu perceber que aquela formação da banda tinha tudo para funcionar. Não foi o caso para Robert Plant, no entanto.

O vocalista foi quem insistiu para que não houvesse uma turnê de reunião e os outros dois integrantes remanescentes, Jimmy Page John Paul Jones, até tentaram fazer acontecer com Jason e um outro vocalista (Steven Tyler, do Aerosmith, chegou até a ensaiar com o grupo), mas isso nunca acabou saindo do papel.

Jimmy Page desconfortável com Robert Plant

Isso deixou uma mágoa em Page que ficou extremamente visível durante uma entrevista de 2012 para o CBS This Morning, programa de TV dos EUA.

Quando a banda foi questionada sobre os motivos de não ter transformado a reunião em uma turnê, foi Plant quem falou do assunto. No entanto, a reação do guitarrista foi uma resposta muito mais sincera e efetiva do que qualquer outra: ele imediatamente aparenta estar desconfortável e até abre uma garrafa de água enquanto Robert fala.

Em seguida, cruza os braços e até olha diretamente para a câmera em um dado momento (como você vê na foto de capa da matéria), dando a entender que não tem a menor paciência para a explicação do colega de banda — que fala, fala, e não diz nada.

Ao mesmo tempo, até o próprio JPJ parece (um pouco menos) desconfortável, olhando constantemente para baixo e se distanciando um pouco do vocalista quando ele começa a falar do assunto.

Você pode ver esse momento pelo vídeo ao final da matéria, perto da marca de 7 minutos.

Reunião do Led Zeppelin

Hoje em dia, Page parece estar conformado de que o trio nunca mais voltará a tocar junto.

Recentemente, ele afirmou que aquela era a única hora possível para uma turnê mais extensa e, como te falamos por aqui, o guitarrista garantiu que isso nunca mais será cogitado.

Uma pena.

LEIA TAMBÉM: “E o almoço?”: George Harrison e a melhor reação ao conhecer o Led Zeppelin