Marianne Faithfull em 2007
Foto de Marianne Faithfull via Shutterstock
 

A icônica cantora Marianne Faithfull compartilhou uma triste notícia na última semana. A dona do hit “As Tears Go By” revelou durante uma entrevista que possivelmente não irá mais conseguir cantar.

Em abril de 2020 a cantora britânica foi internada após testar positivo para COVID-19. Apesar de ter se recuperado relativamente rápido, Faithfull, que completou 74 anos em Dezembro, disse ao The Guardian (via CoS) que está tendo que lidar com sequelas da doença como fadiga intensa, perda de memória de curto prazo e danos pulmonares permanentes.

Talvez eu não consiga cantar nunca mais. Talvez isso tenha acabado. Eu ficaria extremamente chateada se fosse esse o caso, mas, por outro lado, tenho 74 anos. Não me sinto amaldiçoada e não me sinto invencível. Eu me sinto fodidamente humana.

Sobre uma possível recuperação, a cantora que surgiu nos anos 60 e trabalhou com nomes como The Rolling Stones, Nick Cave e Metallica destacou que acredita em milagres e isso lhe dá esperança:

Uma médica muito legal do National Health veio me ver e me disse que achava que meus pulmões nunca se recuperariam. E o que eu pensei por último foi: ‘ok, talvez eles não se recuperem, mas talvez, por um milagre, eles irão’. Não sei por que acredito em milagres. Eu só acredito.

Marianne Faithfull

Na mesma entrevista, a cantora anunciou um novo álbum, que foi gravado antes da pandemia, chamado She Walks in Beauty. O projeto foi feito em colaboração com Warren Ellis, com assistência adicional de Nick Cave e Brian Eno.

O disco está previsto para ser lançado no dia 30 de Abril e, infelizmente, pode se tornar o seu último trabalho de estúdio.

Estamos torcendo pela recuperação da cantora!

 
 
Compartilhar