System of a Down
Divulgação
 

Em 2020 o System Of A Down finalmente superou as diferenças de seus integrantes para lançar duas músicas novas.

As canções, “Protect The Land” e “Genocial Humanoidz”, serviram como uma forma da banda voltar ao estúdio pela primeira vez em longos anos, além de chamar a atenção das pessoas ao redor do globo a respeito de uma guerra que vinha matando centenas na Armênia.

É claro que após o grupo voltar à atividade, muita gente se questionou a respeito de um possível novo disco, já que os últimos vieram lá em 2005 com Mezmerize e Hypnotize.

Futuro do System Of A Down

Essa semana o vocalista Serj Tankian deu uma entrevista para Zane Lowe, da Apple Music, e por lá falou a respeito de tudo isso.

Ao contrário das últimas interações de integrantes do SOAD com a mídia, que só trouxeram notícias ruins aos fãs, dessa vez parece que há boas notícias e, finalmente, a possibilidade de novos materiais serem gravados e lançados (via Loudwire):

Obviamente nós temos músicas que não são necessariamente sociopolíticas, que são divertidas, e falam sobre vários outros assuntos. Eu acho que quando fizemos isso, fizemos muito bem. Dessa vez foi excepcional nesse sentido, não querendo celebrar a gente ou qualquer coisa do tipo. O fato de que usamos isso exatamente, usamos isso como uma arma, de forma contundente, como deveria ter sido.

Eu tenho muito orgulho do que fizemos. Foi ótimo. O futuro está em aberto. Vamos ver o que acontece. A vibe está muito positiva. Desde que estejamos com os mesmos objetivos, poderemos continuar criando coisas, se estivermos com os mesmos objetivos.

Serj Tankian

Como você pode ver, fica bem claro que Serj Tankian faz questão de dizer que é necessário “ter os mesmos objetivos”, ou “estar no mesmo lugar”, e essa parece ser a questão fundamental do System Of A Down.

Pelos sinais compartilhados nos últimos anos, há diferenças musicais que não teriam sido resolvidas, já que Serj planeja lançar músicas que foram “descartadas” pela banda e Daron Malakian, guitarrista e compositor, lançou vários sons que tinha feito para o grupo através do projeto Scars On Broadway.

Além disso, nos últimos meses a divisão ideológica foi publicada para todo mundo ver quando ficou claro que Serj Tankian é crítico ferrenho de Donald Trump e suas ideologias, enquanto o baterista John Dolmayan é apoiador fervoroso do magnata.

Esperamos que os tais “objetivos” sejam os mesmos e tenhamos finalmente um novo disco do System Of A Down, já que as duas inéditas mostraram que eles ainda estão em grande forma, não é mesmo?

LEIA TAMBÉM: com novas músicas, System Of A Down mostra que continua forte e necessário após 15 anos

   
Compartilhar