Flea e Anthony Kiedis, do Red Hot Chili Peppers
Foto via Wikimedia Commons
 

Quem já viu algum show dos Red Hot Chili Peppers sabe como a química dos caras no palco é sensacional, e certamente no caso de Flea Anthony Kiedis isso acontece além de tudo por conta de uma amizade incrível.

Em uma entrevista com a SiriusXM sobre o seu livro biográfico, o baixista falou a respeito dessa relação e de como ela surgiu ainda nos tempos de colégio:

A gente se apaixonou, sabe? [risos] Eu o conheci quando tinha 15 anos e a gente tinha acabado de começar o 10º ano na Fairfax High School em Hollywood e a gente ficou meio que, tipo, quase que imediatamente apaixonados e em guerra, sabe? [risos] E permanecemos assim desde então!

O que eu tentei expressar [no livro] sobre a nossa relação — eu escrevo sobre a minha infância e ele é uma grande parte da minha infância, se tornou minha família. Digo, nós éramos inseparáveis, por muitos anos, especialmente quando éramos mais novos; era tipo, todo santo dia, nós estávamos juntos.

Em seguida, o músico não conseguiu conter as lágrimas ao falar de sua mãe, falecida, e de como ela se lembrava perfeitamente da reação de Flea ao conhecer Kiedis e finalmente se sentir acolhido por um amigo:

E, sabe, você envelhece e vocês têm casas diferentes e vocês não precisam morar juntos e ambos têm namoradas e isso acaba te separando, mas o que eu tento expressar sobre isso no meu livro é que desde o começo, eu lembro da minha mãe, descanse em paz. Ela me disse alguns anos antes de falecer, ‘Sabe, eu lembro quando você voltou pra casa e tinha 15 anos’… [começa a chorar] É difícil, eu fico…

Ela disse, ‘Michael, você voltou pra casa e você estava todo empolgado e você disse, ‘Mãe, mãe, eu finalmente achei alguém com quem eu posso conversar!”. E eu realmente achei, sabe? E como qualquer outra relação próxima, de irmandade, a gente também briga. Mas eu encontrei alguém com quem eu poderia me comunicar de uma maneira profunda que eu não tinha encontrado antes. E aqui estamos, 40 e poucos anos depois.

Felizmente, essa relação acabou indo bem além de uma amizade de colégio e temos a sorte de poder ver essa dupla fazendo um som incrível até hoje. Assista ao relato emocionante pelo vídeo abaixo!

Vale lembrar que Acid for the Children, biografia de Flea, foi lançada no Brasil, em português, pela editora Belas Letras.

Pelo livro, o músico está inclusive concorrendo a um Grammy.

Flea fala sobre amizade com Anthony Kiedis