Produtor de Snoop Dogg recebe perdão por crimes
Reprodução/Instagram
 

O produtor Weldon Angelos, que já trabalhou com Snoop Dogg no projeto We From the LBC, recebeu oficialmente um perdão do presidente Donald Trump e não precisará cumprir o restante de sua pena de 55 anos de prisão.

Ele foi condenado após ser pego em flagrante há 17 anos tentando vender US$350 em maconha, conforme conta a Digital Music News. Investigações subsequentes levaram a uma série de outras acusações, incluindo outros envolvimentos com drogas, além de situações com armas e até lavagem de dinheiro.

O ato de Trump foi um de seus últimos como presidente dos Estados Unidos, já que ele será obrigado a desocupar a Casa Branca em 20 de Janeiro para que o presidente eleito Joe Biden assuma o local, e seguiu a linha de outros ex-mandatários do país que tentam mostrar que em algumas ocasiões o sistema prisional do país é severo demais.

Juntamente a Angelos, foram perdoadas 14 outras pessoas por diferentes crimes e o produtor usou o Instagram para comemorar a ocasião mas também pedir por novas reformas no sistema criminal do país: “agora é hora de novos perdões e diminuições de pena”.

A reportagem lembra ainda que, na época de sua prisão, Weldon recebeu uma oferta de acordo que poderia reduzir sua sentença para 15 anos — o que teria feito ele ser solto antes mesmo desse perdão — mas recusou por medo de ser visto como “dedo duro”. No total, ele havia sido condenado por 13 crimes diferentes.

Vale lembrar que Angelos não estava mais cumprindo sua sentença desde 2016, quando o então presidente Barack Obama havia diminuído sua pena. Agora, a diferença é que ele teve sua ficha totalmente limpa e seus direitos de cidadão completamente restaurados.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Weldon Angelos (@weldonangelos)