The Beatles: Get Back
 

O aguardado documentário dos Beatles teve algumas imagens reveladas nesta semana. O vídeo que você pode conferir logo abaixo, é saudoso, divertido e emocionante.

Dirigido por Peter Jackson, (O Senhor dos Anéis), The Beatles: Get Back, tem data de lançamento marcada para o dia 27 de Agosto de 2021, após ter sua estreia adiada por causa da pandemia do coronavírus (via Variety).

O documentário foi criado a partir de um material de 56 horas de imagens inéditas e 140 horas de áudio das sessões de gravação do último álbum lançado pelo grupo, Let It Be (1970).

No vídeo disponibilizado, Jackson explica um pouco sobre o filme em sua sala de edição.

É um material realmente ótimo. Eu diria que estamos na metade da edição agora, mas como vocês foram tão pacientes e o filme foi adiado até 2021, achamos que seria um bom momento para dar uma pequena amostra do que temos e estamos trabalhando e o tipo de vibração e energia que o filme vai ter.

The Beatles: Get Back

O cineasta revelou que este primeiro vídeo não chega a ser um trailer e nem uma sequência do longa, mas sim, uma reunião de imagens que estão sendo extraídas de seu longo acervo.

Isso te dá apenas uma noção do espírito do filme que estamos fazendo. Esperançosamente, isso colocará um sorriso em seu rosto nestes tempos bastante sombrios em que estamos.

Além das cenas no estúdio de gravação, o documentário mostrará detalhes da última aparição ao vivo dos Beatles, que ocorreu na cobertura do Apple Studios de Londres.

Em uma entrevista ao Deadline no ano passado (via Radio Rock), Peter Jackson revelou mais alguns detalhes que os fãs irão encontrar no longa:

Depois de rever todas as filmagens e ouvir o áudio que Michael Lindsay-Hogg registrou 18 meses antes de eles se separarem, é simplesmente um incrível tesouro histórico.

Claro, há momentos de drama – mas nenhuma das discórdias com as quais este projeto tem sido associado há muito tempo. Assistir a John, Paul, George e Ringo trabalhando juntos, criando músicas clássicas a partir do zero, não é apenas fascinante – é engraçado, edificante e surpreendentemente íntimo.

Confira e se emocione com os possíveis trechos de The Beatles: Get Back.

LEIA TAMBÉM: Stone Temple Pilots e uma versão de arrepiar de “Revolution”, dos Beatles