AC/DC
Divulgação
 

Seja você fã do AC/DC ou não, é difícil dizer que os caras não têm uma fórmula para os mega hits que compõem a carreira da banda. Mas, para o engenheiro de som Mike Fraser, isso não existe.

Em nova entrevista com o Brave Words (via Metal Injection), o cara rechaçou a ideia de que as canções seriam muito parecidas entre si e afirmou que isso é uma parte da identidade e verdade da lendária banda:

Eu sei o que todo mundo quer dizer; eles acham que o AC/DC é tipo, uma banda de três acordes. Bom, se você ouvir as músicas dele, não são três acordes, é mais do que isso. Mas esse é o som deles.

Algumas bandas têm grande sucesso em uma direção e elas ficam entediadas com isso, então elas mudam isso, elas tentam ir atrás do que é popular. O AC/DC não porque eles amam fazer isso, eles não estão fazendo isso pelo dinheiro, fama ou qualquer outra coisa. Essa é meio que a diferença.

E aí, convenceu? Confira o papo com Fraser na íntegra pelo vídeo ao final da matéria.

Novo disco do AC/DC

Parecido com o de sempre ou não, vale lembrar que o AC/DC lançou há pouco tempo o seu novo e aclamado disco Power Up. Recentemente, o trabalho de divulgação continuou com a chegada de um clipe para “Demon Fire” que você pode conferir por aqui.

LEIA TAMBÉM: Angus Young surpreende ao dizer qual disco do AC/DC define a banda

 
 
Compartilhar