Angus Young em entrevista sobre o AC/DC
 

Com mais de quinze álbuns de estúdio, Angus Young revelou qual disco do AC/DC, para ele, consegue “definir” a banda.

Divulgando o novo disco do grupo de rock, Power Up, o músico participou de uma entrevista para a Rádio SRF 3, da Suíça.

Durante a conversa, Young foi questionado sobre qual dos discos anteriores do AC/DC ele escolheria “para impressionar alguém que nunca ouviu falar” da banda.

O guitarrista tinha a resposta na ponta da língua e não escolheu títulos óbvios e grandes sucessos como Highway To Hell (1979) ou Back In Black (1980):

‘Let There Be Rock’, para mim, é o álbum. E a razão pela qual eu gosto de ‘Let There Be Rock’ é porque meu irmão, George (Young), foi quem produziu, e no começo, quando estávamos fazendo aquele álbum, ele tinha eu e Malcolm (Young), e ele estava sentado conosco e disse, ‘Que tipo de álbum vocês querem fazer desta vez?’

E Malcolm apenas olhou para mim e disse: ‘Nós só queremos um álbum que seja apenas guitarra de hard rock puro’.

O músico continuou sua explicação apontando que achou a escolha ótima, pois naquela época as pessoas estavam produzindo outros gêneros como Punk e New Wave.

[…] eram todas essas outras coisas que estavam saindo – e eu apenas pensei, ‘Isso é pura magia’. E aquele álbum definiu AC/DC aos meus olhos. Foi quando eu disse: ‘Esta é uma ótima banda’.

Let There Be Rock foi lançado em Março de 1977, e produzido por George Young e Harry Vanda. O trabalho foi o quarto disco de estúdio do AC/DC.

Confira a entrevista completa no vídeo abaixo e o player de Let There Be Rock.

 
 
Compartilhar