Serj Tankian com o System Of A Down em 2017
Foto de Serj Tankian via Shutterstock
 

Serj Tankian, icônico vocalista do System of a Down, concedeu uma entrevista exclusiva ao Brasil pela Rádio Rock e por lá falou sobre diversos temas como, é claro, as primeiras novas músicas da banda em 15 anos.

A notícia não é exatamente animadora para quem esperava que mais material viesse nos próximos tempos. Ele afirmou que foi uma boa experiência trabalhar em novas músicas, mas disse:

Nós fizemos por conta da causa, mais pelo ativismo do que pela criatividade musical. E isso significa muito, porque não fizemos para nós ou por nosso gosto musical. Não foi pela banda nem por nossas carreiras. Nós fizemos pelo nosso povo. E isso é uma coisa diferente. Quando você faz algo que não é para você, isso tem mais valor, mais força e potencial. E isso significa muito mais.

Ele garantiu, ainda, que a banda não está fazendo “mais nada” além de estar completamente focada na situação da Armênia, que explicamos melhor por aqui. Por enquanto, já foram arrecadados cerca de 800 mil dólares com a dupla de faixas “Protect the Land” e “Genocidal Humanoidz”.

Serj também comentou que o SOAD deve fazer um evento virtual em breve, mas antes que você se empolgue, não será um show. Segundo ele, a ideia é que os quatro membros fiquem conversando sobre toda essa situação, tentando arrecadar mais fundos para ajudar a Armênia.

Você pode ver o papo na íntegra pelo vídeo abaixo.

LEIA TAMBÉM: System of a Down recebeu ameaças de morte por causa de suas novas músicas

Entrevista de Serj Tankian para a Rádio Rock

 
Compartilhar