Michael Jackson no clipe de Thriller
 

Há exatos 37 anos, em 2 de Dezembro de 1983, Michael Jackson lançava o que é talvez o maior clipe da história da música.

A produção visual que acompanha “Thriller” se tornou um verdadeiro clássico dos anos 80 e um atestado à capacidade artística do Rei do Pop, que teve cacife para bancar um vídeo de quase 14 minutos na disputada programação da MTV.

Claro que também colaborou o fato de que a própria emissora estava bem interessada na produção, que custou cerca de 500 mil dólares — uma fortuna hoje em dia, mas algo ainda mais inimaginável na época — e apostava em uma visão de certa forma apelativa, puxada para os filmes de terror, fazendo com que o próprio MJ tivesse que colocar um comunicado no início do clipe de que não estava fazendo nenhuma apologia ao ocultismo.

Michael Jackson e o incrível clipe de “Thriller”

A aposta deu certo e o disco Thriller voltou ao 1º lugar das paradas depois da chegada do videoclipe.

É sempre bom ressaltar que já fazia mais de um ano que o álbum estava no mundo, e mesmo quando o vídeo foi ao ar o single “P.Y.T. (Pretty Young Thing)” e a ótima parceria com Paul McCartney, “Say Say Say”, continuavam subindo nas paradas. Ainda assim, alguns achavam que Jackson estava ficando saturado e “Thriller” foi a prova definitiva de que não era o caso.

Graças em grande parte ao clipe, a canção impulsionou o disco para mais 17 semanas no topo dos mais ouvidos e comprados e o ajudou a se tornar o mais vendido tanto de 1983 quanto de 1984.

Mais ainda, uma vez que a MTV passou a exibir uma versão mais curta depois da estreia do clipe, a versão completa virou objeto de desejo e foi inserida em uma fita VHS juntamente a um making of. Essa dupla vendeu mais de 10 milhões de cópias, colaborando ainda mais para o reinado espetacular de MJ.

Hoje é dia de relembrar esse baita clipe, então é só dar o play a seguir!

LEIA TAMBÉM: “Não eram melhores que músicos negros”: textos inéditos de Michael Jackson citam Elvis, Beatles e MTV

 
Compartilhar