David Prowse e Darth Vader
Fotos via Wikimedia Commons e Reprodução
 

David Prowse, o lendário ator que ganhou fama por ter imortalizado o Darth Vader na trilogia original de Star Wars, faleceu no último final de semana aos 85 anos de idade.

Inicialmente, as reportagens falavam que Prowse havia batalhado uma “curta doença” antes de seu falecimento; novas informações obtidas pelo The Sun (via NME) diretamente de Rachel, filha do ator, revelam que se tratou de um caso da COVID-19 que se uniu ao Mal de Alzheimer, que já o atormentava há algum tempo.

Em fala ao jornal, ela explicou que o Coronavírus também impediu que sua família pudesse vê-lo e se despedir. Ainda assim, ressaltou que a enfermeira que cuidou de seu pai lhe disse o quanto ele era um “cara legal” e afirmou que ele “teria amado se ver viralizando no Twitter”.

Descrevendo o pai como um “gigante gentil”, Rachel garantiu que ele “parecia assustador” mas era “um homem doce, bom e generoso”.

David Prowse

David Prowse aproveitou o porte físico de bodybuilder na época para encarnar o vilão e contracenou com Mark Hamill (Luke Skywalker) em Uma Nova Esperança, O Império Contra-Ataca O Retorno de Jedi. Hamill, aliás, escreveu uma bela mensagem em homenagem ao colega de profissão:

Muito triste de saber que David Prowse faleceu. Ele era um homem bom & muito mais que o Darth Vader. Ator-Marido-Pai-Membro da Ordem do Império Britânico-Tricampeão Britânico de Levantamento de Peso & Ícone de Segurança como Green Cross Code Man [um ‘mascote’ do sistema de segurança para pedestres do Reino Unido]. Ele amava seus fãs tanto quanto eles o amavam.

Além de Vader, Prowse teve papéis em outras grandes franquias como Doctor Who e James Bond (em Casino Royale, de 1967), bem como em Laranja Mecânica. Vale ressaltar que a atuação como Darth Vader foi “combinada” com James Earl Jones, que forneceu sua icônica voz à presença imponente de David.

Que descanse em paz.