Ozzy Osbourne na quarentena
 

Ozzy Osbourne está mesmo levando à sério os perigos da COVID-19.

Em extensa entrevista à revista GQ, que o elegeu um dos homens do ano, o músico afirmou que está “f*dido” se pegar o vírus. Isso porque, nos últimos meses, Osbourne passou por uma série de desafios com sua saúde, incluindo uma cirurgia na coluna e diagnóstico de Parkinson.

Na conversa, Ozzy ainda declarou que tem “ficado louco” em casa, já que está respeitando a quarentena, e falou sobre como seu produtor foi afetado pelo Coronavírus. Ele declarou:

Eu faço o meu melhor. Se eu saio, uso máscara, mas não gosto de usar máscara, então não saio muito. O produtor do meu álbum [Andrew Watt] pegou o vírus. Eu telefonava para ele todos os dias e ele dizia que não conseguia dormir, porque assim que dormia parava de respirar. Ele não é a mesma pessoa agora… É como qualquer pessoa que teve uma experiência de quase morte: ele se tornou um pouco cuidadoso demais com a vida. Mas minhas duas netas pegaram e você não imaginaria que elas tiveram algo de errado.

Ozzy Osbourne e Elton John

Na entrevista, Ozzy ainda revelou que Elton John virou um grande amigo de sua família, e liga toda semana para saber sobre sua saúde. O música ainda falou sobre a parceria com Elton, que aconteceu em seu recente disco, Ordinary Man.

Quando fizemos ‘Ordinary Man’, eu disse a Andrew que me lembrava uma música de Elton e ele disse: ‘Por que não colocá-lo nessa faixa?’ Eu pensei: ‘É só pedir’. Eu só queria que ele tocasse piano, mas ele cantou também. O cara é um workaholic. A última vez que ele esteve em casa eu perguntei o que ele estava fazendo e ele disse que tinha feito 40 shows em 40 dias! Como você pode fazer isso?! Não faço esse tipo de trabalho desde os 19 anos!

LEIA TAMBÉM: Após esnobada do Grammy, Elton John dá dois prêmios a The Weeknd

   
Compartilhar