Foo Fighters - Times Like Those
 

Em 2020 o Foo Fighters deveria estar excursionando para celebrar os seus 25 anos de carreira.

Acontece que, como todos sabemos, os planos de shows no mundo todo foram interrompidos pela pandemia do novo Coronavírus, então o grupo liderado por Dave Grohl resolveu fazer algo diferente.

Há alguns minutos, os Foos lançaram um vídeo/documentário chamado Times Like Those, onde os integrantes se sentaram em poltronas confortáveis montadas nos estúdios 606 para ver fotos do passado.

Por lá, Dave Grohl preparou um slideshow e apresentou momentos memoráveis desde o início da carreira da banda, com direito a fotos de bastidores, vídeos raros e até confissões como o baterista Taylor Hawkins dizendo que achou a turnê acústica da banda entediante e até chegou a dormir no palco em algumas ocasiões.

Em outro momento, ao mostrar a foto dos bastidores de um especial do programa de David Letterman onde a banda imitou a estética dos Beatles, Grohl também revelou que teve “uma diarreia violenta” naquele dia.

Foo Fighters – Times Like Those

O início do vídeo diz, a melhor estilo Star Wars, o seguinte:

Há muito tempo em um estúdio de gravação muito, muito distante…

O Foo Fighters tem percorrido o mundo fazendo música, gravando discos, gravando clipes, dando entrevistas e tirando fotos há mais de 25 anos… até Março, quando nós e o resto do mundo fomos educadamente solicitados a se sentar, respirar, e calar a porcaria da boca por alguns meses.

Destemidos, nós fizemos o que muitos fizeram durante essa pausa coletiva e fizemos o máximo de silêncio que pudemos, nos reunindo e usando esse tempo para contemplação, crescimento, e uma avaliação honesta de quem somos pela lentes de quem fomos; as decisões ruins de roupas, barbas questionáveis e, para sermos justos, uma coleção respeitável de guitarras. Tudo isso.

Iremos olhar para tempos incríveis, apesar disso, como uma freeway em uma tempestade de neve, uma inoportuna pausa no fluxo de tráfego está apenas pedindo por um engavetamento de automóveis, e não é fácil ser atingido na parte de trás da cabeça pelo seu passado.

Então os convidamos a erguer o seu pescoço e se juntar a nós para observar o que observar se parece… ou algo do tipo.

Ao final, os integrantes fazem trocadilhos com nomes de músicas da banda, dizendo que, por exemplo, “nós iremos ‘breakout’ dessa situação”, ou sair dela.

Assista ao vídeo, que ainda tem Pat Smear, Chris Shiflett, Nate Mendel e Rami Jaffee, logo abaixo.

 
Compartilhar