Sepultura no Rock In Rio 2019 Andreas Kisser
Foto por Marta Ayora / TMDQA!
 

Talvez você não saiba ou não se lembre, mas o Sepultura foi a primeira banda internacional de Heavy Metal a tocar em Cuba.

Em uma nova entrevista no programa Conversa com Bial, o guitarrista Andreas Kisser relembrou essa ocasião de 2008 e como ela impactou bastante a vida da banda, que aceitou fazer a apresentação mesmo sem cachê — eles foram apenas com os custos de estadia e passagens pagos.

No papo, Andreas ressaltou que o show para 60 mil pessoas na Plaza Anti Imperalista da capital Havana foi “uma das melhores experiências” que a banda já teve. Ele também destacou as bandas locais e o quanto ficou impressionado com o Metal cubano (transcrição via Whiplash):

Não deixaram as bandas locais tocar com a gente no dia do show, então, dois dias antes, cinco ou seis bandas fizeram uma apresentação só para a gente. Foi muito emocionante. Cada banda tocou duas ou três músicas, colocaram quatro cadeirinhas para a gente assistir.

Cuba é um país muito musical, como o Brasil também é. A noção que eles têm de base musical, teoria, etc é fantástica. Você vê bandas de Heavy Metal maravilhosas ali.

Vale lembrar que em outra conversa sobre o tema, Kisser fez questão de ressaltar as portas que o Sepultura abriu com essa performance — afinal de contas, eles tocaram no país da América Central antes da histórica passagem dos Rolling Stones por lá.

Você pode ver o programa Conversa com Bial na íntegra por este link e, abaixo, encontramos um trecho dessa apresentação dos brasileiros em Cuba.

Sepultura em Cuba

 
Compartilhar