Holden Matthews
Foto via Departamento de Polícia de St. Landry Parish
 

O jovem que incendiou três igrejas nos Estados Unidos para “ganhar notoriedade na cena black metal” acaba de ser sentenciado a 25 anos de prisão.

O julgamento de Holden Matthews, de 23 anos, ocorreu na última segunda-feira, dia 2, e ainda condenou o americano a pagar 2,7 milhões de dólares (quase 16 milhões de reais) em restituição às igrejas que queimou.

De acordo com o Brave Words, o juiz Robert Summerhays ordenou durante sua sentença que o réu receba na prisão tratamento para abuso de substâncias e aconselhamento para sua saúde mental.

No tribunal, Matthews comentou sobre os crimes que cometeu:

Não há palavras suficientes no idioma inglês para expressar o quanto estou arrependido. Se eu pudesse voltar atrás e mudar tudo, eu mudaria.

Black Metal

Além disso, Holden Matthews revelou que encontrou Jesus nos dezoito meses em que já ficou preso, e que sabe que feriu não só sua família e seus amigos, mas também seus irmãos e irmãs em Cristo.

Nós chegamos a publicar aqui, em fevereiro deste ano, sobre o episódio do jovem, filho de um xerife, que atacou igrejas para aumentar sua moral na cena do gênero pesado, inspirado em crimes cometidos na Noruega durante os anos 1990.

Na ocasião, o criminoso foi encontrado após o rastreio de uma lata de gás comprada por ele. Saiba mais.

LEIA TAMBÉM: Há 27 anos, a cena Black Metal chocava o mundo com o assassinato de Euronymous

   
Compartilhar