Bruce Springsteen libera “I’ll Stand By You”
Foto: Danny Clinch
 

Um dos músicos mais lendários e respeitados dos EUA, Bruce Springsteen se mostrou genuinamente triste com a situação atual do país em relação à cultura.

Em seu programa de rádio na SiriusXM (via Blitz), “The Boss” afirmou que a nação perdeu “tanto em tão pouco tempo” e desabafou:

Não há arte na Casa Branca. Não há literatura, poesia ou música. Não há sequer animais de estimação. Não há um momento em que o presidente tire o seu uniforme e se torne humano. Exceto quando põe uma camisa branca e umas calças khaki e se esconde do povo americano para ir jogar golfe.

Para onde foi a diversão, a alegria, a expressão de amor e felicidade? Costumávamos ter um presidente que acalmava a nação em vez de a dividir. Uma primeira-dama que plantava um jardim em vez de destruir outro. Perdemos os aspectos culturais da sociedade que faziam da América grande.

Bruce Springsteen e Donald Trump

A verdade é que as declarações de Springsteen não devem ser surpresa para quem o acompanha, já que nos últimos tempos ele tem sido bastante crítico de Donald Trump e de sua administração, inclusive ameaçando deixar o país caso ele seja reeleito.

Nesse novo programa, Bruce ainda falou que é preciso fazer “um exorcismo à capital da nossa nação” e deixou bem claro que o jeito de fazer é isso votar para tirar o atual governo de lá no dia 3 de Novembro.

Você pode conferir esses trechos na íntegra, em inglês, a seguir.

 
Compartilhar