Nirvana - Nevermind
Ouça playlist com clássicos do Rock!  

O renomado produtor Butch Vig, que trabalhou com o Nirvana no icônico Nevermind, afirmou que o disco não teria o mesmo impacto cultural se fosse lançado hoje.

Em entrevista à revista NME, o profissional disse que aquele foi o timing perfeito para soltar o álbum:

Se Nevermind saísse esta semana, apesar de ser um grande disco, não teria o mesmo impacto cultural. Foi um timing perfeito, porque houve uma mudança na música e parecia uma revolução. Posso ver isso acontecendo de novo, mas não da mesma maneira.

Questionado sobre o momento atual, Vig disse que viu semelhanças na explosão do Nirvana e da cantora Billie Eilish.

Eu vi algo semelhante com Billie Eilish. Ela fala por toda uma geração de jovens, bem como o Nirvana fez com seu momento zeitgeist.

O produtor contou ainda que é amigo da cantora e de seu irmão Finneas O’Connell, e também que a mãe deles foi professora de música de sua filha. Eles ainda moram na mesma rua.

Butch Vig, Nirvana e Billie Eilish

Para Butch Vig, na era do streaming um disco ou gravação em outro formato pode não ser capaz de se conectar com os ouvintes da mesma forma que acontecia antes.

Segundo ele, que também é baterista da banda Garbage, hoje todo mundo tem acesso a tudo, o que destrói a mística que existia antes e que tornava poderoso o feito de conquistar algo que era impossível de colocar as mãos.

Ele acrescenta ainda que talvez apareça algum grupo parecido com o Nirvana, com um letrista que lembra o Bob Dylan, mas que gosta de hip-hop e não tem Instagram ou Facebook.

Por fim, ele brinca e pede para ser avisado se alguém conhecer essas pessoas. “Eu quero produzi-las”, finaliza.

 
Compartilhar