Ubisoft recebe críticas por polêmica relacionada ao Black Lives Matter
Reprodução/Twitter
 

A série de jogos Tom Clancy’s, da Ubisoft, é uma das mais famosas quando se fala de temas militares/de espionagem.

Apesar de todo o sucesso dos últimos anos, em seu novo game, Tom Clancy’s Elite Squad, a empresa parece ter errado a mão e recebeu uma chuva de críticas nas redes sociais.

Isso porque a premissa do game gira em torno de uma “ameaça” aos governos de todo o mundo chamada UMBRA, que seria supostamente uma “organização sem rosto que quer construir uma nova ordem mundial” e que “alega promover um regime igualitário para ganhar apoio popular”, enquanto organiza ataques terroristas por baixo dos panos.

A polêmica maior aconteceu na cena de introdução do jogo, onde é explicada a função da UMBRA e a missão do jogador, pois a empresa associa o punho preto fechado — tradicionalmente usado como símbolo do movimento Black Lives Matter — à UMBRA, como vemos na foto acima.

Continua após o vídeo

Ubisoft e Tom Clancy’s Elite Squad

No Twitter, um usuário criticou fortemente a decisão da empresa e ironizou dizendo que isso seria “110% não político”, além de ter compartilhado uma versão comentada do vídeo de introdução que aponta, em resumo, para o fato de que toda a premissa gira em torno das revoluções populares serem “inimigas” dos governos que o próprio game afirma que deixaram o mundo em um estado deplorável.

A Ubisoft respondeu as acusações e prometeu retirar a simbologia associada ao BLM na atualização que vai ao ar nesta terça-feira, 1 de Setembro, mas diversos jogadores ainda estão fazendo duras críticas à história do jogo por tentar retratar os líderes de governo como “vítimas” da revolta popular.

Aqui no Brasil, as acusações ganharam um teor ainda mais forte pelo fato de um dos personagens do “esquadrão de elite” ser um brasileiro chamado Caveira em uma clara referência ao BOPE, como apontou o jornalista e designer Rique Sampaio em seu Twitter ao afirmar que a Ubisoft “assumiu totalmente seu lado fascista nesse jogo” e dar uma ótima descrição da proposta do game.

Você pode conferir os Tweets logo abaixo e, no trailer do jogo (disponível acima), a apresentação do Caveira acontece por volta de 1:35 do vídeo. A empresa não afirmou se mudará detalhes na história, mas acredita-se que apenas a simbologia do punho levantado será removida.