Scott Pilgrim e Robert Pattinson
Fotos: Divulgação / Shutterstock
 

Em 2010 o mundo conheceu Scott Pilgrim Vs. The World, filme baseado nos quadrinhos de Scott Pilgrim que trouxe um elenco repleto de nomes importantes.

O papel principal ficou com o queridinho Michael Cera, e a história gira em torno do baixista que precisa ganhar um concurso com a sua banda e lidar com sete ex-namorados (com todo jeito de “chefões” de videogames) da sua companheira Ramona Flowers (May Elizabeth Winstead).

Pois bem, em uma nova entrevista para a Vanity Fair (via NME), o diretor Edgar Wright disse que Robert Pattinson fez um teste “intenso” para estar no longa, mais precisamente no papel de Lucas Lee.

Quem ficou com o posto foi o ator Chris Evans (Capitão América), mas Wright falou a respeito de como Pattinson se apresentou para o papel:

Ele fez uma leitura muito mais intensa do personagem. Obviamente Robert é um ator incrível e alguém com quem eu adoraria trabalhar hoje em dia. Mas foi uma abordagem bem diferente da que Chris mostrou.

Robert Pattinson e Crepúsculo

O ator, que em sua carreira já havia trabalhado em filmes da saga Harry Potter, se tornaria um dos rostos mais conhecidos do planeta por causa da saga Crepúsculo.

O processo de escolha de elenco para Scott Pilgrim teve início em 2008, e Wright também falou como se lembra de Pattinson comentando a respeito do primeiro filme, lançado aquele ano:

Eu me lembro de perguntarmos pra ele a respeito de Crepúsculo e ele falava coisas tipo, ‘É, não sei. Eu acabei de ver. É okay, eu acho. Eu não sei.’

Bom, aparentemente Robert Pattinson não deve ter ficado muito chateado com a perda do posto no filme que se passa em Toronto, já que a saga Twilight o colocou no mapa, teve algumas outras edições e definitivamente o catapultou ao posto de um dos atores jovens mais conhecidos de Hollywood.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.