Marília Mendonça
Foto: Instagram @mariliamendoncacantora
 

A cantora Marília Mendonça amanheceu entre os assuntos mais comentados da internet nesta segunda-feira, dia 10. Ela está sendo acusada de transfobia.

Durante mais uma live realizada na noite do último sábado, dia 8, ela contou aos internautas uma história sobre um dos integrantes de sua banda que foi a uma boate chamada Diesel, em Goiânia, e que dizia ter beijado lá a mulher mais bonita de sua vida.

Conforme Marília relata os fatos, os músicos que estão no palco com ela e a própria cantora vão dando risadas, dando a entender que aquilo é uma piada interna entre eles.

Neste domingo, um vídeo no Instagram gravado por uma usuária chamada Bruna Andrade, chamou atenção para o episódio, já que ela conta que Diesel era um local destinado ao público LGBTQI+ na cidade, e que as risadas debochadas de todos provavelmente eram porque a mulher citada por Marília na live era trans.

Marília Mendonça

Os fatos causaram revolta nas pessoas, que começaram a postar que estavam decepcionados com a cantora.

Na manhã desta segunda-feira, Marília Mendonça foi ao Twitter se desculpar pelo erro.

Pessoal, aceito que fui errada e que preciso melhorar. Mil perdões. De todo o coração. Aprenderei com meus erros. Não me justificarei.

Depois disso, internautas sugeriram a Marília que ela peça desculpa por seu erro numa outra live, já que grande parte de seu público não usa o Twitter. A usuária Ana Flor, postou o seguinte comentário na publicação da artista:

Acredito que seria interessante que você se retratasse em live e falasse sobre a importância de não promover discursos como aquele. Digo isso porque, infelizmente, a forma como o que foi dito reverbera no corpo e identidade de mulheres trans e travestis é muito violenta. Sabemos como o sertanejo lida com mulheres. Sejam elas cis ou trans. É um momento de ser propositiva.

Veja os vídeos e os tweets logo abaixo:

 

 
Compartilhar