Marcelo D2
Foto: Divulgação
 

Planet Hemp é uma verdadeira instituição do Rock brasileiro e, para a nossa alegria, os caras irão voltar com seu primeiro disco de estúdio desde 2000 em 2020.

É claro que precisamos mirar o futuro e esperar o que vem por aí nesse aguardadíssimo novo álbum, mas lá atrás, há 20 anos, a banda lançava um dos registros mais importantes para a história da música brasileira com A Invasão do Sagaz Homem Fumaça.

O terceiro e, até hoje, último álbum da banda, completa duas décadas de lançamento esse ano e é, sem dúvidas o mais consistente em seu catálogo.

Indo do Hardcore ao Hip Hop passando por elementos tipicamente brasileiros, aqui o Planet Hemp conseguiu misturar diversas de suas influências sem perder o rumo das coisas, fazendo críticas ferrenhas ao sistema político brasileiro.

Mesmo tendo sido presos por conta da apologia à maconha, os integrantes não quiseram pisar no freio e, ao contrário, endereçaram as suas críticas políticas de formas cada vez mais claras.

Planet Hemp e a Música Favorita de Marcelo D2

Pois há alguns dias o TMDQA! publicou por aqui um editorial sobre o álbum que contou com declarações exclusivas do vocalista Marcelo D2.

Entre diversas outras confissões a respeito do clima das gravações, das composições e mais, ele nos confidenciou que a sua música favorita em toda carreira do Planet está em Sagaz, e trata-se de “Stab”.

Aparecendo no álbum após a pedrada “Procedência C.D.”, a faixa é voltada ao Hip Hop e tem uma letra ácida sobre como os governantes se mantêm no poder deixando a população em necessidade e utilizando artifícios como a religião.

Para o TMDQA!, D2 disse:

‘Stab’ é minha música preferida não só desse disco como também a minha música favorita do Planet.

Eu adoro o jeito que ela foi feita, adoro o jeito que ela é construída, adoro o jeito que o Bernardo escreveu o refrão dela, adoro a banda tocando em cima daquele loop.

Acidentalmente aquele loop de barulho, o ‘stab’ né, no caso mesmo, apareceu e o Zé [Gonzales] fez aquilo e a gente resolveu tocar em cima, achando tudo bem sonoro.

É a minha música favorita do disco e do Planet Hemp.

Bora ouvir esse discão?

 
Compartilhar