Jeza da Pedra
Crédito: divulgação
   

O rapper Jeza da Pedra lançou nas plataformas digitais o single “De Profundis”. Esta é a terceira canção que o músico solta antes do lançamento de seu álbum de estreia, Átomo de Verão, que deve sair no final do ano.

Para a composição, Jeza se inspirou na carta-obra do escritor, poeta e dramaturgo Oscar Wilde, escrita durante seu encarceramento na Inglaterra vitoriana por crime de homossexualidade, no início do século 20.

“Os planetas do zodíaco estão retrógrados, o mundo e as relações estão retrógradas:
vivemos na era do cárcere do ensimesmamento. É preciso que reconheçamos nossos
próprios calabouços e lá tentemos encontrar paz, ou pelo menos alguma reflexão sobre o
que significa liberdade. Os poetas Oscar Wilde e Waly Salomão, mesmo enjaulados, compuseram obras que atravessaram o tempo e seu signo marginal, provando o quanto é impossível aprisionar o gênio do artista,” afirma o rapper.

Tagua Tagua

Tagua Tagua
foto: reprodução

O projeto Tagua Tagua, do produtor musical e guitarrista Felipe Puperi, ganhou uma versão de quarentena para o singleMesmo Lugar”, lançado originalmente em Abril. O músico liberou um vídeo em que aparece junto com outros colegas e todos tocam a música cada um de sua casa, respeitando o isolamento social.

O clipe, que faz parte da série Quarentena Sessions, tem direção do próprio artista e reúne os instrumentistas Leo Mattos (bateria), Rafael Findans (baixo), João Inácio da Silva.

“Foi bem interessante, pois a gente nunca tocou essa música juntos. A galera do sopro gravou ela em Maio de 2019 e, fora eles, o único que tocou na gravação foi o Leo Mattos, que gravou bateria. De resto, eu gravei todos instrumentos. A gente não sabia muito bem como soaria isso, mas no fim fiquei bem impressionado que ficou fiel à versão original,” revela Felipe, que lançará a música “4am” nos próximos dias.

Todos Foram Morar Longe

Todos Foram Morar Longe
foto: reprodução

A banda Todos Foram Morar Longe divulgou no YouTube a canção “Honey”. No ano passado, o grupo lançou os singles “C.D.M.” e “Catioro”, e agora finaliza a gravação de outras cinco músicas que devem ser lançadas até o final de 2020.

Casses

Casses
foto: reprodução

O cantor Casses disponibilizou o clipe para a faixa “Quando Isso Acabar (Vai Passar)”, que tem inspiração nos difíceis momentos que todos nós encaramos durante a pandemia do coronavírus.

O vídeo conta com a participação de mais de 60 pessoas, de vários estados do Brasil e até de fora do país. Entre eles, fãs, amigos e familiares que gravaram seus vídeos diretamente de suas casas e com seus próprios celulares, por causa da quarentena.

Anteriormente, o artista havia lançado o single “Me Provoca”, que tem distribuição pelo selo e produtora paulistana Angorá Music (Manu Gavassi, Fly, Fiuk, João Klein, Mharessa, Jerry Smith).

Nina Rouge

Nina Rouge
foto: Lau Baldo

A cantora Nina Rouge se juntou ao grupo Marmota para apresentar uma versão bem diferente de “La Vie en Rose”, eternizada na voz da francesa Edith Piaf, que gravou em 1946 a faixa composta por ela.

O vídeo foi gravado nos estúdios Audio Porto em Julho do ano passado e Nina no registro é acompanhada por André Mendonça (baixo), Leonardo Bittencourt (piano), Pedro Moser (guitarra) e Bruno Braga (bateria).