Lady A, antigo Lady Antebellum
Foto via Wikimedia Commons
Ouça a Playlist Climão de Dia dos Namorados!   Ouça o novo álbum do Melim!  

Um dos nomes mais proeminentes do Pop/Country americano nos últimos anos, que chegou às paradas com hits como “Need You Now”, a banda Lady Antebellum está oficialmente mudando de nome para Lady A.

A decisão foi informada em uma longa postagem no seu Instagram oficial, explicando que a conotação racista do termo “antebellum” demorou a ser percebida como problemática pela banda, principalmente por não ter sido a intenção inicial, mas reforça que é tempo de mudanças na sociedade.

A palavra “antebellum” seria traduzida para algo como “antebélico”, ou seja, que vem antes de uma guerra. A expressão geralmente é usada para se referir ao Sul dos EUA antes da Guerra Civil, quando o racismo e a escravidão eram práticas comuns.

Na publicação, disponível abaixo e traduzida na íntegra, você pode entender a escolha do nome originalmente e a decisão de mudá-lo agora.

Lady A

View this post on Instagram

Dear Fans,⁣⁣⁣ ⁣⁣⁣ As a band, we have strived for our music to be a refuge…inclusive of all. We’ve watched and listened more than ever these last few weeks, and our hearts have been stirred with conviction, our eyes opened wide to the injustices, inequality and biases Black women and men have always faced and continue to face everyday. Now, blindspots we didn’t even know existed have been revealed.⁣⁣⁣ ⁣⁣⁣ After much personal reflection, band discussion, prayer and many honest conversations with some of our closest Black friends and colleagues, we have decided to drop the word “antebellum” from our name and move forward as Lady A, the nickname our fans gave us almost from the start.⁣⁣⁣ ⁣⁣⁣ When we set out together almost 14 years ago, we named our band after the southern “antebellum” style home where we took our first photos. As musicians, it reminded us of all the music born in the south that influenced us…Southern Rock, Blues, R&B, Gospel and of course Country. But we are regretful and embarrassed to say that we did not take into account the associations that weigh down this word referring to the period of history before The Civil War, which includes slavery. We are deeply sorry for the hurt this has caused and for anyone who has felt unsafe, unseen or unvalued. Causing pain was never our hearts’ intention, but it doesn’t change the fact that indeed, it did just that. So today, we speak up and make a change. We hope you will dig in and join us.⁣⁣⁣ ⁣ We feel like we have been Awakened, but this is just one step. There are countless more that need to be taken. We want to do better. We are committed to examining our individual and collective impact and making the necessary changes to practice antiracism. We will continue to educate ourselves, have hard conversations and search the parts of our hearts that need pruning—to grow into better humans, better neighbors. Our next outward step will be a donation to the Equal Justice Initiative through LadyAID. Our prayer is that if we lead by example…with humility, love, empathy and action…we can be better allies to those suffering from spoken and unspoken injustices, while influencing our children & generations to come.

A post shared by Lady A (@ladyantebellum) on

Queridos fãs,

Como uma banda, nós lutamos para que nossa música seja um refúgio… inclusivo para todos. Nós assistimos e ouvimos mais do que nunca nessas últimas semanas, e nossos corações foram tomados por uma convicção, os nossos olhos foram bem abertos para as injustiças, desigualdades e vieses que as mulheres e homens Negros têm enfrentado desde sempre e continuam enfrentando todos os dias. Depois de muita reflexão pessoal, discussão entre a banda, orações e muitas conversas honestas com alguns dos nossos amigos e colegas Negros mais próximos, nós decidimos tirar a palavra ‘antebellum’ do nosso nome e seguir em frente como Lady A, o apelido que nossos fãs nos deram desde praticamente o começo.

Quando começamos nossa jornada juntos há quase 14 anos, nós demos o nome à nossa banda em referência ao estilo arquitetônico do sul ‘antebélico’ da casa em que tiramos nossas primeiras fotos. Como músicos, nos lembrou de toda a música nascida no sul que nos influenciou… Southern Rock, Blues, R&B, Gospel e é claro Country. Mas estamos arrependidos e envergonhados de dizer que não levamos em conta as associações que dão peso a essa palavra em referência ao período histórico antes da Guerra Civil, que inclui a escravidão. Nós pedimos profundas desculpas pela dor que isso causou e para qualquer um que não se sentiu seguro, visto ou validado. Causar dor nunca foi a intenção de nossos corações, mas não muda o fato de que de toda forma, aconteceu justamente isso. Então hoje, nós falamos e fazemos uma mudança. Nós esperamos que vocês curtam isso e se juntem a nós.

Nós acreditamos que fomos Acordados, mas isso é apenas um passo. Há incontáveis outros que precisam ser dados. Queremos fazer melhor. Estamos nos comprometendo a examinar nosso impacto individual e coletivo e a fazer as mudanças necessárias para praticar o anti-racismo. Nós iremos continuar nos educando, teremos conversas duras e procurar as partes do nosso coração que precisam ser podadas — para crescermos e virarmos humanos melhores, vizinhos melhores. O nosso próximo passo pra fora será uma doação à Iniciativa Equal Justice através do LadyAID. Nossa oração é que se nós liderarmos pelo exemplo… com humildade, amor, empatia e ação… nós podemos ser aliados melhores a aqueles que sofrem com injustiças faladas e veladas, enquanto influenciamos nossas crianças & gerações por vir.

Com amor,

Lady A

 
 
Compartilhar