Spotify
Foto Stock via Shutterstock
 

Amanhã (02), a indústria do entretenimento irá realizar o que vem chamando de “Blackout Tuesday”.

A ideia é causar impacto em diversas áreas do entretenimento para protestar contra a violência policial e o racismo, escancarados na recente morte de George Floyd em Minneapolis.

Quem irá participar da ação é o Spotify, gigante do streaming, que resolveu inserir 8 minutos e 46 segundos de silêncio em algumas playlists e podcasts.

Esse foi exatamente o tempo que o policial Derek Chauvin passou com o seu joelho em cima do pescoço de Floyd, o asfixiando.

Além da plataforma, outros grandes nomes da indústria irão participar de diferentes formas, como a ViacomCBS, que irá colocar os mesmos 8:46 em sua programação no formato de telas sem conteúdo visual.

Spotify e #TheShowMustBePaused

A hashtag do movimento idealizado por Jamila Thomas (Atlanta Records) é #TheShowMustBePaused (“O Show Deve Ser Pausado”), em contraste com a tradicional frase “The Show Must Go On”, ou “O Show Deve Continuar”.

Segundo o The Verge, além do silêncio, o Spotify ainda irá colocar quadrados pretos em capas de playlists e podcasts importantes da sua plataforma e se ausentará das redes sociais.

 
 
Compartilhar