50 Cent e Amy Lee, do Evanescence
Fotos Stock via Shutterstock
 

Em 2004, 50 Cent dividiu os palcos do Grammy com o Evanescence de uma forma, digamos, meio inusitada.

50 Cent havia acabado de estourar com o hit “In Da Club”, do disco Get Rich or Die Tryin’, lançado em 2003. Naquela época, vários grandes artistas dividiam espaço entre os holofotes e, entre eles, estava o Evanescence.

A banda havia lançado seu disco de estreia Fallen também em 2003, e conquistava seu lugar nas grandes mídias. Em destaque, estavam as faixas “Going Under”, “Bring Me To Life”, “Eveybody’s Fool” e “My Immortal”.

Não surpreendentemente, o merecido sucesso levou ambos à indicação da categoria de “Artista Revelação”, do Grammy Awards 2004.

Como já sabemos, quem levou o prêmio foi a banda de Amy Lee. No entanto, Fifty resolveu “dar um rolê” pelo palco enquanto o Evanescence recebia e agradecia pelo troféu. Sob aplausos, parece que uma simples aparição e aceno às câmeras foram suficientes para que o rapper passasse a mensagem de quem ele achava que deveria estar ali.

Levando na esportiva, Amy Lee o agradeceu e seguiu com seu pronunciamento:

Obrigada Fifty.

Além do 50 Cent, eu gostaria de agradecer à minha gravadora Wind-Up por ter nos encontrado, especialmente à Diana Meltzer por acreditar em mim. Obrigada aos fãs, porque eu sei que não teria como o rock moderno ter uma garota e um piano tocando numa rádio de rock moderno se não fosse pelos fãs pedindo várias e várias vezes. Então obrigada, galera.

Assista ao vídeo logo abaixo.

50 Cent e “Ervanescence

Sem dúvidas, o rapper e a banda eram os dois favoritos à premiação da categoria. No entanto, além deles, também concorreram Sean Paul, Heather Headley e a banda Fountains Of Wayne – da qual fazia parte o músico Adam Schlesinger, que nos deixou este ano vítima do novo Coronavírus.

De qualquer forma, 16 anos depois, parece que 50 Cent ainda não superou o ocorrido.

Recentemente, o cara foi presenteado com uma estrela na calçada da fama em Hollywood. Na ocasião, ele deu um bonito e emocionado pronunciamento demonstrando enorme gratidão pelo reconhecimento.

Entretanto, no meio da fala, ele fez questão de mencionar o troféu que não ganhou na 46ª edição do Grammy, em 2004, errando o nome da banda de rock e causando risadas:

Eu falei para o Em [Eminem], que isso é uma coisa única na vida pra mim, porque eu não recebi tantos prêmios – de acordo com o sucesso da música. Sabe, eu fiz o disco de estreia mais comprido do hip hop, mas você faz o maior álbum de hip hop e não ganha o troféu de Artista Revelação. O Artista Revelação – eles deram aquela merda para o Ervanescence [sic]. Alguém sabe onde está a porra do Ervanescence? Mike, eu não vejo o Ervanescence desde aquela noite, Mike.

Este momento pode ser visto por aqui, em inglês, a partir do minuto 5:09.

O “Ervanescence” ficou, de fato, parado por algum tempo. Mas depois de 9 anos sem lançar materiais inéditos, a banda tem um disco engatilhado e já lançou um novo clipe em 2020.

Assista ao Evanescence levando o Grammy sob protesto de 50 Cent:

 
 
Compartilhar