Clipe de Gustavo Bertoni e Vivian Kuczynski
 

O vocalista da Scalene, Gustavo Bertoni, lançou nas plataformas digitais o single “Louder than Words” em parceria com a cantora e compositora Vivian Kuczynski.

A canção chega através do slap, selo da Som Livre, e teve um clipe liberado no YouTube. A direção do vídeo, feito em animação, ficou a cargo de Maria Eduarda e Iago Mauad.

Um roteiro de clipe oficial já estava pronto para que os artistas gravassem no Paraná, terra natal de Vivian, mas a pandemia do coronavírus impediu que o projeto seguisse adiante. Por causa da quarentena, a solução foi adaptá-lo para o vídeo animado.

“A música está entre o meu último disco solo, ‘Where Light Pours In’ (2018), e o que pretendo lançar ainda neste ano. Então tivemos uma liberdade estética para criar, não precisava estar conectado a alguma continuidade,” comenta Gustavo sobre o trabalho.

Ifall

Ifall
foto: divulgação

O músico, compositor e produtor brasileiro Caio Duarte, que atende artisticamente sob a alcunha Ifall, liberou nas plataformas de streaming o clipe para a canção “The Master”. Inteiramente realizado durante seu isolamento social em Londres, o vídeo foi dirigido pelo próprio artista.

“É uma música bem ácida sobre culto a personalidade, a meu ver bastante relevante ao cenário social e político atual,” aponta Caio sobre o projeto.

A música estará no segundo álbum do cantor, Too Long; Didn’t Listen, que tem previsão para sair no dia 15 de Julho.

Rota 54

Rota 54
foto: Mariane Lima

A banda punk Rota 54 disponibilizou no YouTube o clipe para a música “Garota Suicida”, que integra o álbum Náusea, lançado no final de 2019 pelo selo Kaos, comandado pelo veterano do rock nacional Clemente Nascimento (Inocentes/Plebe Rude). O vídeo teve direção de Arianny Rosso, João Pedro Feitosa e João Victor Andrade.

“É como uma espécie de roleta russa, em que você entra no jogo sabendo dos riscos, mas não deseja que a bala esteja engatilhada na sua tentativa. Nessa sociedade onde as pessoas muitas vezes se encontram sem nenhuma perspectiva de futuro, onde as relações se tornam tão fugazes, com uma liquidez enorme, esse flerte com situações que as colocam em risco acaba sendo uma válvula de escape,” comenta Caio Uehbe, vocalista e guitarrista do grupo.

Surgida em 2008, a formação da Rota 54 é completada por Cesar Hiro (baixo e voz), Ricardo Faga (guitarra) e Minoru Slot (bateria). A banda agora paralisou o processo de gravação de seu quinto disco de estúdio por conta da quarentena.

Camurça

Camurça
foto: divulgação

O grupo Camurça lançou nas plataformas digitais, através da gravadora Orangeira Music, o álbum Carnaval em Preto e Branco. O disco, composto por dez faixas, já conta com a música de trabalho “Oração dos Esquecidos”, que teve um lyric video divulgado no YouTube.

A banda, liderada por Enzo Camurça (ator e músico) e Lucas Laranjeira (produtor artístico e guitarrista), carrega influências do rock aliadas a poesia, com misturas de elementos regionais e até da música eletrônica.

Carnaval em Preto e Branco é o terceiro lançamento do Camurça somente em 2020. O grupo estreou no início do ano com o single “No Miolo do Oco” e uma semana depois lançou o EP Nuncacabando.

Dry

Dry
foto: Fernanda Leonor

A banda goiana Dry liberou nas plataformas de música o EP Dried Out. O compacto apresenta três novas faixas gravadas no estúdio Pandarus e marca uma nova formação, já que Victor Rocha (Black Drawing Chalks) chegou para assumir os vocais.

A formação do grupo é completada por Gustavo Gontijo (baixo), Pedro Bernardi (guitarra) e Augusto Zimiani (bateria).

Surgida no começo da década, a Dry estreou com o álbum Enjoy the Fall, em 2014, e três anos depois lançou o single “Ivory Tower”, com produção de Braz Torres.