Fiz do Dia Minha Nostalgia fala sobre a vida em comunidade em novo EP
Foto: Aline Cristiane Oliveira / Divulgação
 

Em A Caminho, segundo EP da Fiz do Dia Minha Nostalgia, a banda amplia o espectro do bairro para toda a América Latina.

O trio caxiense explora temas e ritmos presentes no sul do continente enquanto fala sobre as raízes da convivência latino-americana.

Nas quatro faixas do registro, eles se utilizam do minimalismo e melancolia para criar um conceito com referências locais para falar de sentimentos universais.

O trabalho também aborda a vontade de ver uma América Latina unificada, a relação distante e de descontentamento que a classe trabalhadora tem com a justiça e a importância das amizades nos tempos difíceis.

A canção “Rio da Prata”, que abre o disco, conta com a participação do músico e produtor Marcus Manzoni nos vocais. Ele é da cidade de Santiago/RS e é conhecido por ser autor do projeto Acoustic Sundays.