Exército americano homenageando Neil Peart
Reprodução/YouTube
 

Rush é do Canadá, mas o respeito pelos membros é tão grande que Neil Peart ganhou uma homenagem de uma das maiores instituições dos EUA.

O Exército americano, liderado pelo sargento de primeira classe Tim Whalen, era um fã incondicional da banda e resolveu gravar uma versão de “Time Stand Still”, do disco Hold Your Fire (1987).

Whalen foi o vocalista principal, acompanhado por Chris Rettig na segunda voz. Nos instrumentos, Dan Roberts comandou o piano, Zack Pride ficou no baixo e Matthew Evans e Patrick Lin tocaram violino. Aaron Ludwig estava no violoncelo e Holly Watters ficou responsável pela viola.

Sobre a iniciativa e a música escolhida, Whalen comentou:

As letras dessa música sempre ressoaram profundamente comigo, e elas mostram o coração de Neil. Eu quis mostrar a profunda humanidade que ele tinha em sua escrita. A música é sobre a vida se movendo rápido demais, devido tanto a coisas que podemos controlar quanto coisas que não podemos, e o desejo de se agarrar a algo por um pouquinho mais de tempo. Essa é uma mensagem muito universal, seja sobre crianças crescendo rápido demais, um ente querido morrendo, ou um soldado deixando sua casa pensando se vai ver sua família novamente.

O trabalho foi tão bem feito que até a página oficial do Rush compartilhou o vídeo. Confira a emocionante apresentação a seguir!

Mais Homenagens a Neil Peart

Obviamente, essa não é nem de longe a primeira homenagem que Neil Peart recebe.

O lendário baterista também foi lembrado por nomes como Mike Portnoy e Felipe Andreoli. Em uma iniciativa sensacional, a banda brasileira de tributo ao Rush também homenagearam o cara por meio de doações.

 
Compartilhar