Elton John e Michael Jackson
Fotos: Ludmila Joaquina Valentina Buyo / Wikimedia Commons
 

Essa semana o lendário Elton John irá lançar uma autobiografia chamada Me e trechos dela têm sido divulgados por veículos que receberam cópias para resenha.

A gente já te falou por aqui sobre o seu relato do dia em que “sequestrou” um show do Rolling Stones sob efeito de cocaína, e agora a TMZ traz uma passagem onde o britânico fala a respeito de Michael Jackson.

Segundo Elton John, o lendário músico norte-americano sofria com problemas de saúde mental e ainda recebia grandes doses de medicamento controlado:

Eu conhecia Michael desde seus 13 ou 14 anos. Ele era a criança mais adorável que você poderia imaginar. Mas em algum ponto dos anos seguintes ele começou a se isolar do mundo e se isolar da realidade como Elvis Presley fez.

Só Deus sabe o que se passava em sua cabeça, e só Deus sabe com quais medicamentos controlados estavam lhe enchendo, mas toda vez que o vi nos seus últimos anos eu saí pensando que o pobre coitado havia perdido seus parafusos completamente.

Ele era genuinamente uma pessoa com problemas de saúde mental, uma pessoa perturbadora para se estar ao redor.

Michael Jackson e Elton John

Em outro trecho, Elton John relembra uma festa que aconteceu na sua casa e teve a presença de Michael Jackson.

Segundo ele, o músico sumiu de repente e foi encontrado brincando com o filho de uma das pessoas que cuidava da casa: “Por algum motivo ele não conseguia lidar com a companhia de adultos de jeito nenhum.”