Kiko Loureiro fala sobre Andre Matos
Foto: Reprodução / YouTube
 

No último dia 08 de Junho fomos todos surpreendidos com a morte de Andre Matos.

O lendário vocalista brasileiro que fundou as bandas Viper, Angra e Shaman se foi aos 47 anos de idade e deixou muitas saudades não apenas entre os fãs de Heavy Metal, como também entre admiradores do Rock Brasileiro que o viam como exemplo.

Quem comentou a morte de Andre Matos foi o guitarrista Kiko Loureiro, hoje no Megadeth, mas companheiro de Matos por 9 anos no Angra, e na ocasião ele fez um post emocionado sobre o período em que os dois passaram juntos.

Uma semana após a morte, Loureiro voltou a se manifestar com um vídeo no YouTube, e por lá falou sobre por que não conversou com Andre desde 1999, ano em que o vocalista deixou o Angra.

Andre Matos e Kiko Loureiro

Entre outras coisas, Kiko cita as características pessoais dos dois, que seriam bastante fechados e introspectivos, para falar sobre por que não falou com o cantor de lá pra cá.

Além disso, ele ainda citou os conhecidos conflitos entre os integrantes do Angra, e inicialmente os classificou como “uma coisa boa” que, teoricamente, poderia gerar novos caminhos para o grupo.

Depois, porém, ele falou sobre como os conflitos têm o efeito de unir as pessoas quando elas estão começando seu trabalho, mas que em períodos de abundância acabam as separando, já que elas não teriam maturidade para lidar com os pensamentos diferentes após atingirem o sucesso.

Morte de Andre Matos

A causa da morte de Andre Matos foi um infarto agudo do miocárdio, e parentes do músico falaram abertamente sobre o fatídico dia em que o encontraram desacordado por aqui.