Billie Joe Armstrong do Green Day em São Paulo
Foto por Stephanie Hahne
 

O anúncio de um livro do Green Day inspirado em uma de suas canções e que serve como um “guia” para mulheres não foi recebido muito bem.

Last of the American Girls — que leva o nome de uma faixa do disco 21st Century Breakdown (2009) — é um livro ilustrado que serve como “uma homenagem inspiradora e um guia para as mulheres rebeldes que se recusam a se render”.

O livro chega no dia 29 de Outubro e tem co-autoria de Billie Joe Armstrong, Mike Dirnt, Tré Cool, e ilustrações de Frank Caruso. Todos homens.

No Twitter, uma usuária escreveu:

Rapazes, eu os amo com todo o meu coração e ficaria feliz em levar vários tiros por vocês, mas não acham que a principal ‘regra’ para ser uma mulher independente no punk deveria ser, bem, não [ser ensinada] como viver sua vida por homens que não têm experiência em como é viver como mulher?

Já outra usuária apontou o fato de que não há nenhuma mulher envolvida na produção da obra:

Tenho certeza de que este livro será inspirador e significativo para os fãs do Green Day, e ninguém pode tirar isso deles. Mas se você pretende reivindicar poder às mulheres com seu livro, você provavelmente deve considerar a ótica de não ter nenhuma mulher envolvida ao criá-lo.

A banda ainda não se pronunciou.

 
Compartilhar