Kevin Spacey - Let me be Frank
Foto: Reprodução/YouTube
   

Na última segunda-feira (24), foi anunciado que Kevin Spacey está judicialmente respondendo por abuso sexual. Agora, o ator resolveu dar as caras e responder de uma maneira no mínimo curiosa.

A partir de um vídeo postado em seu canal no YouTube, Spacey encarnou Frank Underwood — seu personagem em House of Cards, que foi morto após o ator deixar a série por conta das acusações — e abordou de forma indireta seu próprio caso.

Além de se defender, Kevin também deu a entender que quer voltar a interpretar Underwood no seriado. O título do vídeo é “Let Me Be Frank”.

Em um trecho do clipe, ele diz:

Eu sei o que você quer… você me quer de volta. É claro que alguns acreditaram em tudo e apenas esperaram com ansiedade para me ouvirem confessar tudo. Eles estão morrendo de vontade de me ouvir declarar que tudo é verdade e que eu recebi o que eu merecia. Não seria fácil? Se fosse tudo tão simples. Bem, você e eu sabemos que nunca é tão simples, nem na política, nem na vida. Mas você não acreditaria no pior sem provas, não é? Você não se precipitaria em julgar sem fatos, não é? Você fez isso? Não, você não. Você é mais esperto que isso. […] Na vida e na arte, nada deve ser colocado fora de cogitação. Não temos medo, não do que dissemos, não do que fizemos. E ainda não estamos com medo. Porque posso te prometer isto… se eu não paguei o preço pelas coisas que ambos sabemos que fiz… certamente não vou pagar o preço pelas coisas que não fiz. É claro que eles vão dizer que estou sendo desrespeitoso, que não sigo as regras. Como se eu já tivesse seguido as regras de alguém antes. Eu nunca fiz e você adorou.

Kevin Spacey foi acusado de assediar sexualmente o filho de uma jornalista da ABC, Heather Unruh. Conforme a denúncia, feita no ano passado, Spacey teria oferecido bebidas alcoólicas ao jovem e tocado sua genitália.

O caso teria acontecido em Julho de 2016, aproximadamente a mesma época da primeira denúncia, feita pelo ator Anthony Rapp.

Spacey será indiciado no dia 7 de Janeiro de 2019.

LEIA TAMBÉM: Robin Wright (House of Cards) acredita em “segunda chance” para Kevin Spacey