Pete Doherty Caes
Foto: Reprodução/Instagram
 

O músico e frontman do The Libertines, Pete Doherty, tem o costume de passear com seus cães da raça Huskie, porém, sem usar coleiras. Acontece que dessa vez o passeio não terminou nada bem.

Testemunhas afirmam que os cães do cantor atacaram o gato de sua vizinha, estraçalhando o bichano até a morte. E o pior é que Doherty teria presenciado tudo durante os 10 minutos de ataque sem fazer absolutamente nada!

O incidente, de acordo com o jornal britânico Metro UK, ocorreu na última segunda-feira (12). A vizinha do músico, uma enfermeira aposentada chamada Penny Ward, de 70 anos, disse em entrevista ao periódico que Pete Doherty assistiu tudo e nem ao menos lamentou o acidente com o gato Archie, que tinha 8 anos.

Muito abalada pela morte de seu pet, Penny comenta que Archie era muito companheiro e tinha o costume de segui-la por todos os cantos.

Ela diz ainda que chegou a gritar para que Pete fizesse alguma coisa para conter o ataque dos cães ao gato, mas o cantor não reagiu em nenhum momento e Archie acabou morto.

Que tragédia! O músico ainda não comentou a situação publicamente.

LEIA TAMBÉM: Pete Doherty e seu pratão de comida viraram um belo mural na Inglaterra