Reunião do Nirvana em Seattle
Foto: Reprodução / Twitter
 

O Nirvana, através dos seus três membros remanescentes, tem feito algumas reuniões em palcos pelos Estados Unidos.

Tudo começou em 2015 quando Krist Novoselic, Dave Grohl e Pat Smear foram inclusos no Hall da Fama do Rock And Roll e se apresentaram por lá com Joan Jett, St. Vincent, Kim Gordon e Lorde.

Na mesma noite rolou uma festa que foi além das quatro músicas tocadas no especial e contou com mais artistas no lugar de Kurt Cobain, como J Mascis e John McCauley (Deer Tick), e agora parece que o trio está pegando gosto pela coisa.

Esse ano já rolou uma participação especial em um show do Foo Fighters e, mais recentemente, um mini-show no festival Cal Jam, novamente com Joan Jett e John McCauley além da participação de Brody Dalle (The Distillers) em uma das canções.

Futuro do Nirvana

A gente falou pra você que pela primeira vez em 24 anos o Nirvana estampou uma capa de revista e isso aconteceu nessa semana quando os caras apareceram na britânica Kerrang!

A reportagem foi exclusiva da revista e transcrições da matéria começaram a aparecer, como uma do site Alternative Nation que tem Dave Grohl falando sobre como pretende continuar (ou não) com os reencontros no futuro:

Depois que nós tocamos no Hall da Fama do Rock And Roll eu considerei a ideia de, se tivéssemos uma oportunidade, tocarmos juntos novamente.

Mas é um território delicado e você não pode tratar isso como um show comum. É bastante complicado e muito especial. Nesses momentos, quando acontece naturalmente, eu acho que é a melhor maneira.

Krist Novoselic, baixista do grupo, comentou:

Pessoalmente foi ótimo tocar com esses caras novamente, e tocar essas músicas novamente.

Na matéria ele se mostra aberto a novos shows mas diz que não vê a reunião do Nirvana se tornando algo “regular” e diz que isso “não irá virar um grande circo”.

Apesar disso, ele disse que adoraria trabalhar com Dave Grohl em outras oportunidades, como quando se reuniu com seus colegas de Nirvana para gravar “Cut Me Some Slack” com Paul McCartney.

Reunião no Cal Jam

Na matéria, Dave Grohl ainda falou como a reunião do Cal Jam surgiu, dizendo que foi “por acaso”:

Foi realmente por acaso. Nunca tivemos grandes planos para isso – surgiu quatro ou cinco dias antes do festival quando Krist me mandou uma mensagem dizendo: ‘John estará lá, quer tocar umas músicas?’ E eu fiquei tipo, ‘Claro.’ Quando todo mundo concordou aí começamos a tornar a reunião uma realidade.

Vale lembrar que no evento John McCauley tocou com o Deer Tick e Joan Jett estava lá para o lançamento de uma biografia.

Joan Jett

Por falar na cantora, ela participou de um podcast recentemente e naturalmente foi questionada a respeito do Nirvana.

Quando perguntada se toparia entrar na banda caso o grupo transformasse a reunião em algo regular, chegando a fazer uma turnê, por exemplo, ela disse:

Eu nem consigo imaginar. Eu nem consigo pensar se eles fariam isso. Se surgir a oportunidade, aí eu terei que pensar a respeito.

Você pode assistir a um vídeo com a mais recente reunião do Nirvana na íntegra clicando aqui.

 
 
Compartilhar