Fela Kuti e Kanye West
 

O rapper Kanye West está na África onde, supostamente, irá terminar seu novo disco de estúdio, Yandhi.

Acontece que sendo o arrogante que é, o músico também está fazendo uma campanha de marketing ao se encontrar com líderes de países do continente para lhes entregar pares do seu modelo customizado de tênis, o Yeezy.

Além disso, Kanye usou a ferramenta de streaming de vídeo Periscope para conversar com os seus fãs no Twitter (ele voltou à plataforma após apagar a sua conta mais uma vez) e por lá disse exatamente a seguinte frase:

A música [do disco] é a melhor no planeta. Eu sou o melhor músico vivo. ‘Nós’, na verdade, porque os espíritos estão em mim. O espírito de Fela, o espírito de Marley, o espírito de Pac. Eles estão em mim. Nós sabemos que somos os melhores.

Acontece que após assistir ao vídeo, o filho de Fela Kuti, Seun Kuti, fez questão de deixar claro que o espírito do seu pai não anda nem perto de West:

Em nome da família de Kuti, eu quero deixar claro que o espírito de Olufela Anikulapo Kuti não está em nenhum lugar perto de Kanye West.

Seun ainda aproveitou a deixa para marcar Ziggy Marley, filho de Bob Marley, pedindo para que ele se pronunciasse a respeito, o que pelo menos até agora não aconteceu.

Fela Kuti

Nascido em 1938, o músico nigeriano foi pioneiro do estilo Afrobeat e ativista pelos direitos humanos no continente em que nasceu.

Fela é tido por muitos como uma das figuras mais importantes na cultura de toda a história da África e foi uma voz das mais críticas em relação aos desmandos e à corrupção em países como a Nigéria.

Com dezenas de discos na bagagem, o músico morreu em 03 de Agosto de 1997 e mais de um milhão de pessoas foram até o seu funeral. A causa da morte gera discussões até hoje, já que se fala sobre complicações de AIDS, mas muita gente afirma que ele nunca teve a doença.

 
 
Compartilhar