Meek Mill em uma rádio
Foto de Meek MillL via Shutterstock
Ouça playlist com clássicos do Rock!  

O rapper Meek Mill foi solto essa semana após uma nova decisão da Suprema Corte da Pensilvânia.

Em Novembro do ano passado, Mill havia sido condenado a mais de dois anos de prisão por ter violado sua condicional. Na época, a parcialidade da juíza foi questionada por muitos por uma série de ações duvidosas.

No caso, a defesa de Mill revelou que a juíza havia feito certas exigências em particular, como obrigar o rapper a mencioná-la em uma canção ou até mesmo pedindo para que ele deixasse sua equipe empresarial para que pudesse assinar com um conhecido dela (!!!).

Além disso, as próprias circunstâncias da “violação de condicional” do rapper foram suspeitas. Mill foi detido por ter empinado com uma motocicleta no set de filmagens de um clipe — acusação que foi descartada posteriormente.

Como se isso não fosse o suficiente, tanto o promotor do caso como o próprio policial de condicional do rapper disseram que ele não precisaria cumprir tempo adicional na prisão. A juíza discordou dos dois e condenou o rapper a mais dois anos de prisão.

Após uma investigação do FBI, a Suprema Corte do estado decidiu anular a decisão judicial, citando questões relacionadas à credibilidade do policial que prendeu Meek pela primeira vez, em 2007.

Ao ser solto, Mill publicou uma declaração onde agradece à todas as pessoas próximas pelo “apoio, amor e encorajamento durante esse período difícil”.

Jay-Z, que havia escrito um editorial para o The New York Times falando sobre a situação de Mill, também celebrou a decisão através de uma mensagem no Twitter que você pode conferir logo abaixo.

Mill foi buscado na prisão por dois amigos muito próximos: o comediante Kevin Hart e Michael Rubin, um dos donos do time de basquete Philadelphia 76ers, time do coração de Meek.

Para comemorar a boa notícia, Rubin alugou um avião para levar o rapper para assistir a um jogo do 76ers que iria acontecer naquele mesmo dia. Essa foi a primeira aparição pública dele após ser solto.

Você pode conferir a declaração do músico na íntegra clicando aqui.

 
Compartilhar