Francis Ford Coppola em 2016
Foto de Francis Ford Coppola via Shutterstock

Embora ainda seja um assunto de moderada discussão, vasta opinião popular concorda que o último filme da lendária trilogia O Poderoso Chefão não chega no mesmo nível dos outros dois.

O longa é definitivamente uma obra peculiar, uma vez que foi lançado mais de quinze anos após a segunda edição da trilogia e, já naquela época, não recebeu os mesmos elogios de seus predecessores.

Mas como aponta a NME, uma entrevista desenterrada do diretor Francis Ford Coppola indica que o filme não foi feito com a melhor das intenções.

Ao participar do Inside the Actors Studio with James Lipton em 2001, Coppola admitiu que voltou para a franquia após uma década apenas pelo incentivo financeiro.

“Nós estávamos pobres”, disse o diretor. “Você precisa entender que alguns dos filmes que está mencionando — Apocalypse ou até mesmo os filmes de O Poderoso Chefão — são lembrados com carinho atualmente, mas na época de lançamento não era bem assim”.

Coppola continuou:

Algumas pessoas gostavam deles e algumas não. Naquela época, eu não sabia o que fazer. Eu tinha passado por tantas aventuras e finalmente Frank Mancuso [antigo chefe da Paramount Studios] veio falar comigo e disse, ‘Você faria O Poderoso Chefão 3?’

Eu pensei sobre isso e percebi que eu poderia fazer um acordo que nos colocaria numa situação boa novamente. Eu realmente sentia que era minha obrigação com a minha esposa de ganhar uma grana e guardar isso pra ela e para preservar nosso lar eu escolhi fazer isso.

Você pode conferir um trecho da entrevista logo abaixo.

https://youtu.be/EwLXWbNV4bE

I WANNA BE TOUR

Em poucos dias o Brasil receberá uma turnê incrível com gigantes do Emo e Rock Alternativo; garanta o seu ingresso por aqui!