Liam Gallagher no Benicassim 2017
Foto de Liam Gallagher via Shutterstock
 

O ex-vocalista do Oasis, Liam Gallagher, admitiu em entrevista à revista People que não faz ideia do que significa a maioria das canções da banda.

Boa parte das composições da banda britânica é assinada por seu irmão, Noel, que também já declarou não se importar muito com o que as músicas do Oasis querem dizer.

Questionado sobre o desafio de cantar músicas escritas por terceiros e o que estas significam, Liam afirmou que não sabe nem mesmo o significado de uma das músicas de seu novo álbum:

Eu certamente não sei o que a maioria delas significa. ‘Supersonic’? Eu não sei o que significa. ‘Champagne Supernova’? Não sei o que significa. Não sei nem o que ‘Bold’ quer dizer!

Quando eu vejo as letras, eu não penso ‘Sobre o que é isso?’. Eu não perguntei a Andrew Wyatt [compositor e colaborador] ou aqueles outros caras, ‘Sobre o que é isso tudo?’. Eu só vou lá e canto e isso meio que significa algo, entende o que eu digo?

Gosto de coisas que não significam nada. Nem tudo precisa ter um significado por trás.

Liam lançou no início de Outubro o primeiro trabalho solo de sua carreira, As You Were. O disco chegou ao primeiro lugar no Reino Unido e já é o vinil mais rapidamente vendido dos últimos 20 anos. O inglês, inclusive, é atração da edição 2018 do Lollapalooza Brasil.

Quanto à produção do álbum, o Gallagher mais novo revela na entrevista que descobriu na composição uma forma de terapia, e que ter dado um tempo após o fim do Beady Eye foi necessário.

Acho que as pessoas precisavam de um tempo de mim também, então acho que fez bem pra todo mundo. Eu não sou dessas pessoas que busca a fama e tal. Então, fazemos outro disco, vamos por aí, e então saímos de vista de novo. Talvez tracemos a mesma linha de novo, mas certamente não farei outro [álbum] de imediato. Todos precisam de um respiro, eu acho.

O impacto da figura de Liam na geração que não viveu o auge do Oasis em meados da década de 90 também foi citado na entrevista. Para Liam, ele não tem como negar um novo álbum, se as pessoas pedem por isso:

Isso significa demais pra mim, cara. Eles são a segunda geração de fãs do Oasis. Como a primeira, eu não vou decepcioná-los. Ou a terceira, eu também não vou decepcioná-los. Com as músicas e o espírito certos, eu sou o seu cara. Enquanto eu conseguir usar minha voz.

Os fãs são legais, cara. Ser um fã de Liam Gallagher deve ser um trabalho fodido. Mas deixa eu te contar, ser Liam Gallagher é ainda mais difícil porque eu tenho que conviver comigo mesmo todos os dias.

 
Nosso site utiliza de cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Consulte nossa Política.
 
Compartilhar